JOHN TERRY

Ex-capitão da Inglaterra dá show de machismo e reclama de mulher narradora

Reprodução/Twitter e Reprodução/Facebook

O zagueiro John Terry criticou a participação de Vicki Sparks na cobertura que a BBC faz do Mundial - Reprodução/Twitter e Reprodução/Facebook

O zagueiro John Terry criticou a participação de Vicki Sparks na cobertura que a BBC faz do Mundial

REDAÇÃO - Publicado em 20/06/2018, às 11h48

O zagueiro John Terry, ex-capitão da seleção inglesa, deu um show de machismo na manhã desta quarta (20). Ele estava acompanhando à partida entre Portugal e Marrocos, a primeira a ser narrada por uma mulher em toda a história da TV britânica, e criticou em seu perfil no Instagram: "Estou tendo que assistir a esse jogo sem volume".

A vitória da seleção de Cristiano Ronaldo sobre a equipe de Mehdi Benatia teve como locutora a novata Vicki Sparks, que quebrou barreiras ao assumir o microfone principal da BBC _no Brasil, o Fox Sports fez algo similar com Isabelly Morais.

Vídeo machista postado por Terry no Instagram: "Tendo que assistir a esse jogo sem volume"

Nas redes sociais, a iniciativa da principal rede britânica foi elogiada pelos espectadores, e o comentário de Terry chamou a atenção justamente por ele ser uma figura de destaque e que pertence ao mundo do futebol. Com o Chelsea, o zagueiro levou o título da Liga dos Campeões da Uefa e cinco torneios nacionais.

Fora dos gramados, o jogador de 37 anos é conhecido por se envolver em polêmicas. Em 2010, por exemplo, teve um caso extraconjugal com Vanessa Perroncel, então casada com o atleta Wayne Bridge, do rival Manchester City. O incidente lhe custou a faixa de capitão da seleção inglesa.

No ano seguinte, Terry também foi denunciado por fazer comentários racistas contra o também jogador inglês Anton Ferdinand. Segundo a vítima, o zagueiro teria se referido a ele como "seu preto de m...". O acusado acabou absolvido por falta de provas.

Meio machista
Vicki Sparks também não é novata em controvérsias no futebol. Em abril do ano passado, após entrevistar o técnico David Moyes, então treinador do Sunderland, ele disparou: "Você fez umas perguntas complicadas mais para o fim da entrevista. Cuidado com o que diz, ou pode levar um tapa, mesmo sendo mulher".

Após ela reclamar do comentário, Moyes foi multado em 30 mil libras (R$ 148 mil) pela Associação de Futebol da Inglaterra. Ele pediu demissão do Sunderland no mês seguinte, após a eliminação do clube da Premier League.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

O que falta para Amor de Mãe conquistar mais audiência?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook