Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

SHARK TANK BRASIL

Empresário oferece baratas para jurados de reality show comerem

Reprodução/Globo

O empresário Eduardo Matos, que oferece baratas aos investidores do Shark Tank Brasil - Reprodução/Globo

O empresário Eduardo Matos, que oferece baratas aos investidores do Shark Tank Brasil

FERNANDA LOPES

Publicado em 19/1/2017 - 5h51

Coadjuvantes polêmicos em reality shows da década passada, como No Limite e Hipertensão, os insetos voltam a ter destaque no episódio desta quinta-feira (19) de Shark Tank Brasil. O empresário Eduardo Matos leva ao programa do Canal Sony uma bandeja cheia de "quitutes" no mínimo inusitados: baratas, grilos e tenebrio, uma espécie de larva. Ele oferece aos jurados suas iguarias, mas nem todos assumem o risco de comê-los.

"Não, cara, eu passo, obrigado", diz Carlos Wizard, mesmo após o empreendedor avisar que a larva "vem com um chocolatinho" para acompanhar. Cristiana Arcangeli também se recusa a experimentar um inseto: "Não posso, engorda", brinca. Robinson Shiba, João Appolinário e Sorocaba provam e afirmam que o grilo e o tenebrio são bons.

O prato especial oferecido por Eduardo Matos serve para divulgar o empreendimento dele. O empresário criou um comércio varejista de insetos para alimentar outros animais _como pássaros e lagartos, por exemplo.

A ideia soa ainda mais curiosa para os "tubarões" quando Matos conta que pretende vender um potinho com animais vivos em prateleiras de lojas e mercados (os insetos conseguem sobreviver até 30 dias dentro da embalagem, diz).

"Nossos insetos proporcionam cerca de 60% de proteína [por porção], além de gordura, cálcio e fibras. Também vislumbramos o mercado de alimentação humana no futuro", diz o empreendedor, para novamente deixar Cristiana espantada. Ele busca R$ 480 mil de investimento em troca de 20% de participação na empresa.

Para decidirem se farão ou não uma oferta ao negócio, os investidores ainda tentam descobrir mais detalhes sobre a empresa. Eles ficam sabendo, por exemplo que cada pote de baratas custa R$ 20 e vem com 5 ou 10 unidades do bicho, dependendo do tamanho. "Em 2017, nós esperamos ter um faturamento a partir de R$ 600 mil". "É uma ótima margem de lucro", os investidores afirmam.

Também passam por essa edição do Shark Tank um empresário que fabrica pedais musicais, um inventor de uma cadeirinha de bebê inteligente e uma dupla de empreendedores que busca investimento para uma linha de alimentos saudáveis.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?