Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

VEM AÍ EM 2022

De olho nas mulheres, CNN Brasil renova com Karnal e Prioli para 'faixa leve'

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Gabriela Prioli com uma camisa azul escura e Leandro Karnal com um terno preto e uma blusa branca

Gabriela Prioli e Leandro Karnal: contratos e programas renovados com a CNN Brasl para 2022

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 9/12/2021 - 15h43

A CNN Brasil renovou os contratos e os programas de Leandro Karnal, Gabriela Prioli e Roberto Kalil. Todos eles vão continuar na faixa CNN Soft, dedicada a produções leves e exibidas em horário nobre, para o ano de 2022. O objetivo é aumentar o público feminino, pouco explorado pelos canais de notícias do Brasil.

O historiador comanda o Universo Karnal nas noites de sábado, às 23h, mesmo dia de À Prioli, apresentado pela advogada e influenciadora a partir das 21h45. Já Kalil faz o CNN Sinais Vitais nas noites de quarta. Todas essas atrações vão ganhar duas novas temporadas ao longo do ano que vem.

No caso de À Prioli, o objetivo é explicar as discussões para as eleições presidenciais de 2022. O CNN Soft também apresenta outros programas como o CNN Soft Business, com Phelipe Siani e Fernando Nakagawa; Em Alta CNN com Mari Palma e Phelipe Siani; e o CNN Nosso Mundo, comandado por Luciana Barreto, Thais Herédia, Lia Bock e Rita Wu.

Na primeira leva do CNN Soft, o canal de notícias conseguiu atrair muitas mulheres, e isso foi primordial para que a faixa seguisse no ar. Mais de 40% do público das atrações é composto por mulheres da Classe AB, com 30 anos ou mais --ou seja, com alto poder aquisitivo.

Entre os programas, o maior campeão de audiência é o Universo Karnal. As três primeiras exibições conquistaram a liderança em São Paulo nos dias 13 (0,37 ponto contra 0,17 da GloboNews), 20 (0,42 da CNN Brasil contra 0,11 da GloboNews) e 27 de novembro (0,48 contra 0,42 da GloboNews), segundo dados obtidos pelo Notícias da TV. 

"Os resultados atingidos pela CNN Soft são motivo de grande satisfação. Criamos um catálogo variado, com conteúdo de qualidade para todos os públicos. O caminho é sempre o da qualificação das atrações, para que nossas produções sejam relevantes e úteis para o público e, ao mesmo tempo, sejam motivo de orgulho para os anunciantes que querem associar suas marcas a conteúdos de qualidade", diz Virgílio Abranches, vice-presidente de programação da CNN.

"Mais uma vez a CNN Brasil sai na frente. Nossa audiência também quer entretenimento inteligente, moderno, inovador e, lógico, Soft. Com tantas novidades tenho certeza  que somos a melhor opção para as marcas através de formatos diferenciados e em ambiente totalmente seguro e com muita credibilidade", afirma Mauricio Kotait, vice-presidente comercial da CNN.

Além das renovações de programas e contratos, o CNN Soft lançará novas produções. A primeira delas já foi anunciada: será sobre empreendedorismo moderno, com o comando da empresária Stephanie Fleury. A estreia está prevista para o primeiro trimestre. Novos nomes também devem chegar. 


Leia também

Enquete

Você acha que a edição 2022 de No Limite vai superar a do ano passado?

Web Stories

+
Pão Pão, Beijo Beijo chega no Viva 39 anos depois: Quais atores já morreram?Resumo de Pantanal: Madeleine sofre tragédia, e Bruaca se choca com podridão do maridoGkay já fez harmonização facial? Veja antes e depois da influenciadoraNovela Pantanal: Descubra quem é Guito, o ator que interpreta Tibério na tramaEnquete: Barraqueiro x Sem graça - Vote no casal que vai gerar caos no Power Couple

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas