Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

A culpa é das estrelas?

Às vésperas de completar 50 anos, Globo sofre com 'inferno astral'

Reprodução/TV Globo

Gloria Pires é Beatriz em Babilônia; novela da Globo tem pior audiência da história às 21h - Reprodução/TV Globo

Gloria Pires é Beatriz em Babilônia; novela da Globo tem pior audiência da história às 21h

PAULO PACHECO

Publicado em 6/4/2015 - 5h30

Às vésperas de completar 50 anos, a Globo está está vivendo seu "inferno astral". Na pior crise de audiência às 21h dos últimos tempos, Babilônia, com três semanas no ar, amarga 26,3 pontos na Grande São Paulo e está passando por mudanças, como a eliminação da trama de prostituição da personagem de Sophie Charlotte. Babilônia não é a primeira trama no horário nobre a preocupar a emissora perto do aniversário. Suave Veneno (1999) e América (2005), por exemplo, também estragaram a festa da Globo. A "culpa" pode ser das estrelas, segundo o guia espiritual André Mantovani, especialista em astrologia[IOERROR:http://cdncache1-a.akamaihd.net/items/it/img/arrow-10x10.png], tarô e numerologia.

"Quando entramos em um ano novo, temos um ganho extra de energia. No final do ciclo, entre um mês e meio e dois meses antes do aniversário, há o inferno astral, quando há falta de energia para enfrentar os desafios daquele ano. As pessoas costumam falar que acontecem coisas ruins nesse período", explica Mantovani, que alerta: "A Globo não deveria lançar a programação entre março e abril".

De acordo com o guia espiritual, a numerologia indica que a Globo conseguirá recuperar a audiência de Babilônia. Nascida em 26 de abril de 1965, a Globo entrará em 2015 no ano 11 (somando os algarismos da data de nascimento).

"[O 11] é um número mágico. Acredito que neste ano a Globo conseguirá superar muitas dificuldades que ele vem passando nos últimos tempos. O 11 é um número inspirador, das grandes ideias", prevê Mantovani.

Relembre outras novelas que estragaram o aniversário da Globo:

Gabriel Braga Nunes e Bruna Marquezine em Em Família (Foto: Estevam Avellar/TV Globo)

Em Família (2014)

A última novela de Manoel Carlos estreou em fevereiro de 2014 e teve o pior início de uma trama das 21h (antes de Babilônia). A Globo teve de relançar a trama com personagens chorando em chamadas, agilizou a edição e inseriu cenas de sexo com Bruna Marquezine. A audiência não decolou e terminou com o pior desempenho de todos os tempos.

Deborah Secco e Murilo Benício em América (Foto: João Miguel Júnior/TV Globo)

América (2005)

A novela de Gloria Perez estreou em março de 2005 e chegou ao fundo do poço (37 pontos, recorde negativo) a uma semana da festa de 40 anos da Globo. Brigas entre a autora e o diretor Jayme Monjardim esquentaram o clima nos bastidores, e ele foi substituído por Marcos Schechtman. Sob novo comando, a novela ganhou nova abertura, os atores gritaram menos e a protagonista Sol (Deborah Secco) ficou menos chorona. Deu resultado, e a trama ultrapassou 70 pontos no último capítulo.

Diogo Vilela e Luiz Carlos Tourinho em Suave Veneno (Foto: Nelson Di Rago/TV Globo)

Suave Veneno (1999)

Numa época em que as novelas da Globo costumavam dar 50 pontos no Ibope, Suave Veneno (1999) teve um início pífio (36 pontos). A novela estreou em janeiro de 1999, porém, mesmo com as reviravoltas na história a cada mês, a baixa audiência se estendeu até o final da trama. A crise foi tão grande que o autor, Aguinaldo Silva, chegou a anunciar que seria a sua penúltima novela, o que não aconteceu.

Marcos Winter e Cristiana Oliveira em Pantanal (Foto: Reprodução)

Pantanal (1990)

A novela não é da Globo (foi exibida pela extinta Manchete), mas preocupou os executivos às vésperas do aniversário de 25 anos da emissora. A trama de Benedito Ruy Barbosa estreou em março de 1990 e, em duas semanas, já era líder. Desesperada, a Globo mexeu na grade e trocou programas, sem sucesso. Pantanal terminou em dezembro com impressionantes 41 pontos, contra 21 da concorrente.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você espera ver na TV em 2021?

Novelas inéditas, não aguento mais reprise
23.44%
Silvio Santos e veteranos de volta ao estúdio
15.02%
Estreia de programas diferentes
30.20%
Chega logo, BBB21!
31.35%