Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Ovelha negra

Primeiro drama familiar da Netflix, Bloodline ofusca House of Cards

Fotos: Reprodução/Netflix

O ator Ben Mendelsohn como o ovelha negra Danny Rayburn, um dos protagonistas de Bloodline - Fotos: Reprodução/Netflix

O ator Ben Mendelsohn como o ovelha negra Danny Rayburn, um dos protagonistas de Bloodline

JOÃO DA PAZ

Publicado em 4/4/2015 - 16h26
Atualizado em 4/4/2015 - 16h27

Lançado há duas semanas, o drama familiar Bloodline já ameaça House of Cards como uma das melhores séries produzidas pela Netflix, plataforma de transmissão de vídeos pela internet. O drama sobre uma família que rejeita um irmão está conquistando a crítica norte-americana. O portal de notícias Vox publicou que os quatro episódios finais estão "entre as melhores coisas já feitas pela Netflix". Para o jornal The New York Times, o "elenco de Bloodline foi inteligentemente construído".

Os atores, de fato, são o que mais chamam a atenção. "Um elenco muito bem escolhido", disse a revista Variety. O crítico de TV Ken Tucker, do Yahoo!, não hesitou em afirmar que "a nova produção da Netflix tem um dos mais impressionantes elencos em qualquer forma de TV, seja streaming, cabo ou sinal aberto".

Bloodline é sobre uma família que tem uma pousada nas Flórida Keys, região de cerca de 1.700 ilhotas no Estado da Flórida. Os Rayburn parecem uma família exemplar. Os pais _Sally (Sissy Spacek) e Robert (Sam Shepard)_ administram o pequeno hotel em um paraíso litorâneo. Kyle Chandler (de Friday Night Lights) é o detetive John Rayburn, o filho que estrutura e cuida dos problemas da família. A irmã Meg (Linda Cardellini) faz o papel de advogada dos Rayburns e de pacificadora em momentos de crise. Já o portuário Kevin (Norbert Leo Butz) é o caçula de temperamento esquentado.

Tudo muda quando o irmão mais velho, Danny (Ben Mendelsohn), decide voltar a viver com a família. Ovelha negra, ele é apresentado com o fracassado, que bebe, fuma e cheira cocaína. Danny, no entanto, é vítima dessa família aparentemente perfeita. Acusado de um crime que não cometeu, foi rejeitado pelo pai e deserdado. Ele tem um plano de vingança que poderá arrasar com os Rayburn.

A atriz Sissy Spacek fuma cigarro de maconha ao lado de Ben Mendelsohn

Australiano de 45 anos, Mendelsohn rouba a cena. Eleito o melhor ator da Austrália em 2010 pela revista GQ local, ele vinha de apenas uma aparição em Girls (HBO), em 2013. Sua atuação em Bloodline fez o site Decider o comparar a James Gandolfini (1961-2013), o mafioso Tony Soprano de Sopranos (1999-2007): "Mendelsohn é intenso, dominante e contagioso. É impossível tirar os olhos dele".

K.C. McFarland, crítico da Wired, teoriza o motivo de o australiano ser a peça fundamental de Bloodline. "O personagem Danny tem um perigoso olhar calmo no meio de um furacão formado por problemas familiares, provocando revelações de segredos e lembranças de mágoas antigas. Por ser o ator mais importante da história, os criadores da série escalaram Mendelsohn primeiro, antes de Chandler", diz.

Bloodline foi criada por Todd A. Kessler, Glenn Kessler e Daniel Zelman, os mesmos de Damages (2007-2010). A Netflix confirmou que a série vai ter uma segunda temporada.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?

Muito bom, tem todo o conteúdo que os fãs da Disney amam.
19.71%
O catálogo é bom, mas há falhas e problemas no aplicativo.
8.46%
Não gostei, o conteúdo não me interessou.
17.51%
Não assinei, achei o preço muito alto.
54.32%