Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

COPA AMÉRICA VEM AÍ

Após fazer as pazes com Conmebol, Globo compra futsal de olho na Libertadores

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Galvão Bueno com uma blusa azul e calça marrom, no estúdio da Globo em São Paulo

Galvão Bueno: Globo mostra que está em paz com a Conmebol e compra Copa América de Futsal

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 27/1/2022 - 18h10

A Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) negociou um evento com a Globo pela primeira vez desde que as duas brigaram por causa da rescisão do contrato da Libertadores feita durante o auge da pandemia de Covid-19, em 2020. A emissora adquiriu os direitos de transmissão da Copa América de Futsal, que começa neste sábado (29). O torneio será exclusivo do SporTV, canal esportivo da emissora na TV por assinatura. 

Trata-se de algo que sela de vez a boa relação entre as partes. Internamente, segundo fontes ouvidas pelo Notícias da TV, a compra é vista como um sinal de que a Globo tem entrada importante na Conmebol, o que dá moral para as negociações do principal torneio de clubes do futebol sul-americano, que acontecem ainda neste primeiro semestre.

Segundo apurou a coluna, a Globo ainda não anunciou a compra oficialmente porque falta a assinatura do contrato, o que deve ocorrer em qualquer momento. No entanto, jogos da seleção brasileira já estão com espaço garantido para exibição na programação do SporTV.

A Conmebol, porém, já confirma o acerto em contato feito pelo Notícias da TV e em uma imagem divulgada no perfil da Copa América nas redes sociais. 

A Copa América de Futsal vai acontecer no Paraguai entre os dias 29 de janeiro e 6 de fevereiro. Cinco seleções são divididas em dois grupos e jogam entre si. As duas primeiras passam para as semifinais. Quem ganhar, disputa a final. O Brasil já foi campeão por dez vezes da competição, disputada desde 1992. 

A briga entre Globo e Conmebol

É o primeiro evento da entidade máxima do futebol na região adquirido pela Globo desde o começo da celeuma. Em agosto de 2020, a Globo rescindiu um contrato de US$ 60 milhões (R$ 325 milhões, na cotação atual) pelos direitos de transmissão da Libertadores da América por não ter condições de arcar com o compromisso por causa da crise financeira vivida na época pelo auge da pandemia. 

Irritada, a Conmebol processou a emissora e pediu uma compensação financeira por perdas e danos. Além disso, a Globo ficou impedida de comprar torneios realizados pela federação. A Copa América de 2021, por exemplo, que teve a Argentina como campeã, foi transmitida pelo SBT. A TV de Silvio Santos, inclusive, assumiu o contrato que era da Globo na TV aberta na Libertadores. 

Já em outubro de 2021, a Conmebol e a Globo fizeram um acordo extrajudicial e voltaram a ser parceiras comerciais. A rede líder vai pagar US$ 40 milhões (R$ 217 milhões, na cotação atual) em parcelas até 2023 como indenização pela quebra do vínculo. Porém, ela conseguiu retornar para a briga por direitos de eventos da entidade. A compra da Copa América de Futsal é um bom sinal da volta às boas relações. 


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Web Stories

+
A Favorita: Veja 7 atores da novela que sumiram da GloboPão Pão, Beijo Beijo chega no Viva 39 anos depois: Quais atores já morreram?Resumo de Pantanal: Madeleine sofre tragédia, e Bruaca se choca com podridão do maridoGkay já fez harmonização facial? Veja antes e depois da influenciadoraNovela Pantanal: Descubra quem é Guito, o ator que interpreta Tibério na trama

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas