Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

NA GLOBONEWS

Afastada pela Covid, Leilane Neubarth volta ao Edição das 18h após 27 meses

DIVULGAÇÃO/GLOBONEWS

Leilane Neubarth com uma camisa branca e sorriso na GloboNews

Leilane Neubarth no Edição das 18h: jornalista volta ao jornal que fez por 11 anos na GloboNews

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 20/6/2022 - 18h06

A jornalista Leilane Neubarth voltará a comandar o Edição das 18h, jornal que apresentou na GloboNews por 11 anos, nos próximos 20 dias. A partir desta segunda-feira (20) e até o próximo dia 4 de julho, ela vai substituir Cesar Tralli, titular de férias. Será sua volta ao noticiário que comandou entre 2009 e 2020 após 27 meses afastada --mesmo que temporariamente. 

Vale ressaltar que Leilane Neubarth só saiu do jornal por causa do início da pandemia de Covid-19. Ela era do grupo de risco da doença por ter mais de 60 anos. Ao tomar a vacina e retornar ao trabalho, Leilane acabou saindo do Edição das 18h devido à grande aceitação de Tralli.

Na época, Tralli passou a ser a principal audiência da GloboNews e ajudou o canal de notícias a bater recordes no Ibope da TV paga. Com isso, a TV efetivou o jornalista no fim da tarde e criou um projeto para o horário da manhã, o Conexão GloboNews, comandado por Leilane e Camila Bomfim e, a partir de julho, Christiane Pelajo se une a elas. 

Segundo apurou o Notícias da TV, tem quem aposte que Cesar Tralli não ficará muito mais tempo na programação da GloboNews. Hoje, além do início da noite no canal pago, ele apresenta o Jornal Hoje no início da tarde da Globo. Mesmo que goste de trabalhar, ter Tralli em dois jornais não é nada comum na empresa.

Tem quem encare essa experiência de Leilane de volta ao Edição das 18h como um teste para saber se o horário consegue se sair bem sem o seu apresentador titular e com algum outro nome. Vale ressaltar que a GloboNews fez mudanças recentes importantes, como a estreia de Andréia Sadi no Estúdio i. 

Leilane Neubarth tem dois ciclos de trabalho na Globo. Ela ficou na empresa entre 1979 e 1989, quando saiu para a extinta Rede Manchete (1983-1999). Voltou para a Globo em 1991, e de lá não saiu mais. Apresentou o RJTV, o Bom Dia Brasil, o Jornal Hoje, entre outros. Além do Edição das 18h, comandou o Arquivo N na GloboNews. 


Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.