10 anos no ar

Sheldon tarado e doação de sêmen: Conheça o episódio perdido de Big Bang Theory

Imagens: Reprodução/CBS

Os atores Johnny Galecki (à esq.) e Jim Parsons em imagem do piloto rejeitado de Big Bang - Imagens: Reprodução/CBS

Os atores Johnny Galecki (à esq.) e Jim Parsons em imagem do piloto rejeitado de Big Bang

REDAÇÃO - Publicado em 24/09/2017, às 07h24

Há exatamente 10 anos, estreava The Big Bang Theory. Mas, antes de a série líder de audiência da TV norte-americana ir ao ar, o piloto (como se chama o episódio-teste) foi reprovado pela rede CBS e devolvido ao criador Chuck Lorre. No capítulo perdido, que nunca foi ao ar, Sheldon Cooper (Jim Parsons) era um tarado. A primeira cena mostra ele e Leonard Hofstadter (Johnny Galecki) em uma clínica de doação de esperma, onde frequentemente trocavam sêmen por dinheiro.

Durante os 23 minutos do episódio, o apelo sexual é muito forte. Sheldon, um amante de bumbuns grandes, fala abertamente de suas ereções e se gaba de que já viu sete mulheres nuas. "E algumas nem eram parentes", completa.

Diferentemente do que ocorreu na trama aprovada, Sheldon não era virgem. O piloto cita uma relação sexual dele com uma amiga , a também cientista Gilda, interpretada por Iris Bahr.

Gilda foi uma das personagens que desaparecerou na Big Bang Theory bem-sucedida. A atriz, de fato, não foi bem, mas a ideia da personagem permaneceu, adaptada para Leslie Winkle (Sara Gilbert), uma física do Instituto de Tecnologia da Califórnia.

Leslie já namorou Leonard e teve relações casuais com Howard Wolowitz (Simon Helberg). Ela nutre um ódio mortal contra Sheldon.

As atrizes Iris Bahr (à esq.) e Amanda Walsh não passaram do piloto de Big Bang Theory

'Penny' sem graça
Pior do que Iris no piloto, só mesmo Amanda Walsh. Ela ficou com o papel de Katie, uma mulher rude, durona e sexy, a antagonista da trama, com a missão de infernizar os nerds. Essas características, no entanto, foram rejeitadas pelo público, e a personagem foi extirpada na reformulação de Big Bang.

Lorre, então, criou uma mulher muito mais meiga e atenciosa. Daí nasceu Penny, interpretada por Kaley Cuoco. Mas o jeito sexy da loira bonitona do interior dos Estados Unidos se manteve na nova versão.

O que não mudou?
O conceito da série mudou bastante. Ao invés de ter uma amiga cientista, Sheldon e Leonard ganharam dois parceiros: Howard e Raj Koothrappali (Kunal Nayyar). Já o comportamento e estilo dos nerds originais foi pouquíssimo alterado.

Leonard preservou a característica de sempre tentar se explicar com exemplos da ciência, o que deixa o leigo da conversa completamente perdido, sem entender nada. Ele também manteve a compaixão com as mulheres.

No piloto rejeitado, isso o fez ajudar Katie e convidá-la a passar um tempo em seu apartamento. Na trama atual, foi o que o aproximou de Penny e resultou em um casamento, após muitas idas e vindas.

Sheldon, por sua vez, conservou a mania de só querer se sentar em um lugar específico, como mostrado em uma cena em uma lanchonete. Além disso, o nerd não entendia o que era sarcasmo, como ocorreu em grande parte da série.

Assista ao piloto rejeitado de The Big Bang Theory (legendado):

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Na casa de que famoso você passaria a quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook