Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Comic-Con 2018

Punho de Ferro ofuscado e Legends escanteada: O balanço das séries de herói

Divulgação/Netflix

Os atores Jessica Henwick e Finn Jones em cena da segunda temporada de Punho de Ferro - Divulgação/Netflix

Os atores Jessica Henwick e Finn Jones em cena da segunda temporada de Punho de Ferro

REDAÇÃO

Publicado em 24/7/2018 - 4h52

Carnaval dos geeks, a Comic-Con de San Diego deste ano, encerrada no último domingo (22), trouxe várias novidades para os fãs de séries de herói. Entre trailers e anúncios, a feira mostrou que Punho de Ferro foi ofuscado na própria série da Netflix e que Legends of Tomorrow perdeu prestígio. Supergirl se deu bem por ousar mais uma vez.

Pior série de herói já feita pela Marvel, Punho de Ferro vai retornar com a segunda temporada em 7 de setembro. Jornalistas e público presentes no evento tiveram a chance de conferir em primeira mão vários teasers da nova leva de episódios. Mas nem mesmo uma cena aguardada por admiradores do lutador de kung-fu superou a luta insana envolvendo uma personagem coadjuvante.

O público vibrou ao ver Danny Rand (Finn Jones) finalmente usar a máscara amarela, uma marca registrada do personagem nos quadrinhos que ainda não tinha aparecido nas séries da Marvel, nem na primeira temporada nem em Os Defensores. Mas a galera foi ao delírio mesmo ao ver a durona Colleen Wing (Jessica Henwick) simplesmente trucidar sozinha quatro lutadores mascarados.

No time das produções da DC Comics, a perdedora foi Legends of Tomorrow. Embora seja ambientada no chamado Arrowverse (Universo do Arqueiro Verde), Legends nunca caiu nas graças dos fãs das outras séries, como Flash e Supergirl, e foi colocada de escanteio no principal evento das atrações televisivas da DC.

O crossover (união de personagens de várias séries em uma única história) da próxima temporada do Arrowverse não contará com a equipe de Legends. Em entrevista ao site TV Line, os atores tentaram justificar a ausência, explicando que a atração se distanciou das "irmãs". Mas o fato é que não faria sentido inseri-la no encontro, que promete ser o mais importante desde a primeira aparição de Flash.

Neste ano, a junção de personagens de Flash, Supergirl e Arrow apresentará Batwoman, a justiceira de Gotham City. A personagem já vai aparecer com o potencial de ganhar uma série para chamar de sua. Caso isso aconteça, será a primeira super-heroína protagonista homossexual da TV. Os produtores querem uma atriz lésbica para interpretar o papel.

divulgação

Nicole Maines na Comic-Con, quando foi apresentada como reforço no elenco de Supergirl 

Quebra de barreiras
Produtor por trás das séries do Arrowverse, Greg Berlanti tem como uma de suas marcas colocar em suas atrações personagens homossexuais. Casado com o ex-jogador de futebol Robbie Rogers, ele acaba de fazer história mais uma vez. A quarta temporada de Supergirl terá uma heroína transgênera.

Berlanti e equipe escaparam de polêmicas ao escalarem a ativista trans Nicole Maines para viver a personagem Nia "Dreamer" Nal. Nicole estará no elenco fixo de Supergirl, que tem por tradição quebrar o padrão heterossexual comumente visto em produções com super-heróis. A série já tirou do armário a irmã da Supergirl, Alex Danvers (Chyler Leigh), e tornou o romance lésbico um dos focos do segundo ano.

Série teen badalada
Exibida no canal pago nanico Freeform, Cloak & Dagger estreou no mês passado e tem repercutido bem entre os fãs de séries de heróis. Antes do painel da atração, o público pedia aos berros uma segunda temporada, que foi mesmo anunciada momentos depois por Jeph Loeb, chefe do departamento de TV da Marvel.

Um dos melhores dramas da editora mostra os personagens Manto (Cloak) e Adaga (Dagger) e faz ligação com todo o MCU, o famoso Universo Cinematográfico da Marvel, seja com a série Luke Cage ou com os filmes dos Vingadores. Ainda inédita no Brasil, Cloak & Dagger será exibida no Canal Sony.

divulgação/Freeform

Aubrey Joseph e Olivia Holt são os protagonistas de Cloak & Dagger, série hit teen da Marvel

Anel de Flash
Entre as outras séries, vale destacar Flash. O telespectador mais fissurado vai vibrar ao ver o Velocista Escarlate exibindo o seu anel, icônico nas páginas das HQs. Para agradar ainda mais a essa fatia so público, o produtor Todd Helbing revelou que o novo uniforme de Flash vai ser o mais parecido com o mostrado nos quadrinhos.

Em Agents of Shield, não foi divulgado se Clark Gregg, intérprete do agente Coulson, estará na frente das câmeras durante a sexta temporada. Mas está certo que o ator voltará a dirigir um episódio da série, o primeiro da nova leva.

E quem deixou a Comic-Con mais frustrado foi o fã de Black Ligthning, pois o painel da série foi basicamente uma discussão sobre a primeira temporada, sem trazer grandes novidades do segundo ano. Tudo o que se sabe é que Jordan Calloway, intérprete do personagem Khalil Payne, o Painkiller, entrou para o elenco fixo.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?

Vanessa Giácomo
21.13%
Lucy Alves
16.78%
Rafa Kalimann
12.62%
Isis Valverde
22.07%
Uma atriz desconhecida
27.40%