SEM CENSURA

Protagonistas de Will & Grace compram guerra com Donald Trump

REPRODUÇÃO/NBC

Debra Messing e Eric McCormack durante entrevista para divulgar a série Will & Grace

Debra Messing e Eric McCormack durante entrevista para divulgar a série Will & Grace

REDAÇÃO - Publicado em 01/09/2019, às 13h15

Debra Messing e Eric McCormack, protagonistas da comédia Will & Grace, compraram guerra com o presidente Donald Trump. Os atores pediram que a imprensa norte-americana divulgasse a relação com todos os produtores e famosos que aparecerão em um evento que arrecadará verbas para a campanha de Trump para a reeleição. A festa de gala está marcada para acontecer em Beverly Hills no dia 17, na mesma semana do Emmy.

"Por favor coloquem a lista de todos que estarão lá. O público tem o direito de saber", escreveu Debra em seu perfil no Twitter. "Por gentileza, noticiem todos os presentes no evento, para que todos nós tenhamos a certeza de com quem não queremos trabalhar nunca mais. Obrigado", completou McCormack na rede social.

Trump, que não leva desaforo para casa, respondeu aos dois atores com uma provocação. "Eu não me esqueci de quando anunciaram que eu ia apresentar O Aprendiz, e o programa se tornou um grande sucesso e salvou a grade de programação fracassada da rede NBC. Debra Messing me procurou e me agradeceu imensamente. Chegou a me chamar de 'senhor'. Como os tempos mudam!", ironizou o presidente.

Curiosamente, o evento de Trump em Beverly Hills deve reunir parte da meca da indústria do entretenimento que ele criticou no início de agosto. Em coletiva de imprensa, o presidente afirmou que "Hollywood é muito racista".

"O que eles fazem, com os filmes que eles têm lançado recentemente, é muito perigoso para o nosso país. O que Hollywood tem feito é um desserviço aos Estados Unidos", discursou o governante no jardim da Casa Branca.

Segundo o Hollywood Reporter, o evento tem ingressos que custam entre US$ 1 mil (R$ 4,1 mil) e US$ 100 mil (R$ 414,2 mil). A entrada mais cara é válida para um casal, e inclui uma foto com o presidente e uma festa vip.

Comédia com data para terminar

Debra Messing e Eric McCormack não poderão ser muito seletivos sobre com quem desejam ou não trabalhar porque, em breve, ficarão desempregados. Will & Grace chegará ao fim depois de sua 11ª temporada.

A comédia, ressuscitada em 2017 depois de 11 anos fora do ar, teve um começo promissor, tanto que ganhou renovações antecipadas, ação que uma rede só faz quando aposta mesmo em uma série. Mas o sucesso durou pouco, e o público fugiu.

A temporada final terá 18 episódios e será lançada no ano que vem. No Brasil, os episódios do revival são exibidos na Fox. No Globoplay, o streaming da Globo, as sete primeiras temporadas da série estão disponíveis aos assinantes do serviço.

Will & Grace conta a história de dois amigos, o advogado gay Will (Eric McCormack) e a arquiteta heterossexual Grace (Debra Messing), que dividem um apartamento e boa parte de suas vidas um com o outro. Completam o quarteto principal a ricaça bêbada Karen (Megan Mullally) e o multiuso Jack (Sean Hayes), um dos poucos contatos de Will com o mundo (e a cultura) homossexual.

A série já ganhou 18 prêmios Emmy (incluindo melhor comédia no ano 2000), com 91 indicações. Todos os atores do elenco já receberam pelo menos uma estatueta.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

O que falta para Amor de Mãe conquistar mais audiência?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook