Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

The Marvelous Mrs. Maisel

Por que série feminista da Amazon resgatou programa machista da Playboy?

Divulgação/Amazon

O ator Ryan Farrell interpreta um apresentador de TV tipo Hugh Hefner em The Marvelous Mrs. Maisel

O ator Ryan Farrell interpreta um apresentador de TV tipo Hugh Hefner em The Marvelous Mrs. Maisel

JOÃO DA PAZ

Publicado em 14/12/2019 - 5h26

A comédia feminista The Marvelous Mrs. Maisel coloca a mulher no protagonismo ao narrar a história de uma dona de casa, em plena Nova York do fim dos anos 1950, que busca independência em uma sociedade dominada por homens. Então, por que a série abriu espaço para resgatar um programa machista da Playboy de mais de meio século atrás?

Embora seja discutível o tratamento que a revista masculina dava às mulheres na época, existe um conflito entre as feministas e a publicação, pelo jeito como elas eram (e são) retratadas. Por isso, é curiosa a referência que Mrs. Maisel faz a Hugh Hefner (1926-2017), o criador da revista Playboy.

Com um quê de provocação, a lembrança veio para contextualizar a influência que a publicação teve na época, a ponto de fazer uma atração televisiva de impacto, e também para homenagear um ícone da comédia stand-up. 

Na parte final do quinto capítulo de sua terceira temporada, a comédia da Amazon apresenta o Miami After Dark, um programa fictício inspirado no Playboy After Dark (1969-1970). A atração apresentada pelo próprio Hefner, uma evolução do Playboy's Penthouse (1959-1960), era exibida na calada da noite. Ambas serviam para vender a empresa do coelhinho como sofisticada e desejável.

O programa real tinha Hefner como um verdadeiro anfitrião. Ele conversava diretamente com o telespectador, olhando para a câmera e o convidando ao estúdio que simulava uma sala chique.

O empresário, com um cachimbo na boca e copo de uísque na mão, recebia convidados de todos os tipos, mas com destaque a músicos (principalmente de jazz) e comediantes. E se discutia de tudo, de política a comportamento, sem deixar de lado temas polêmicos vividos naquela época.

Por mais que Hefner tenha aberto as portas para importantes cantoras como Ella Fitzgerald (1917-1996) e Tina Turner, e comediantes como Moms Mabley (1894-1975) e Barbi Benton, as mulheres geralmente faziam presença apenas decorativa no programa. Elas apareciam ao lado dos homens, cheias de graça e com belos vestidos, se limitando apenas a sorrir. Só as famosas playmates (as que posavam nuas nas página das revistas) tinham seus nomes citados.

Na versão fictícia mostrada em The Marvelous Mrs. Maisel, o ator Ryan Farrell vive o apresentador Brye Adler, a cópia de Hefner. Ele recebe como convidado o humorista Lenny Bruce (Luke Kirby), que leva a protagonista, a também comediante Midge (Rachel Brosnahan), para visitar os bastidores do Miami After Dark.

Porém, Bruce foge do script e chama a amiga para aparecer na frente das câmeras e faz uma zoeira com ela: a apresenta como sua mulher, ou sua irmã. "Isso varia dependendo de qual parte do país estivermos", fala Midge.

A cortesia que a série da Amazon faz para a Playboy tem outra razão. Lenny Bruce (1925-1966) foi um comediante de verdade, uma lenda do stand-up norte-americano. Ele fez uma participação marcante no programa de Hugh Hefner em uma edição exibida há 60 anos --que está disponível no YouTube.

A série tenta replicar essa interação entre os dois na sua versão fictícia. Veja o vídeo real abaixo, em preto e branco e sem legendas, de Hefner entrevistando Bruce. O fã de The Marvelous Mrs. Maisel perceberá como o ator Luke Kirby capta com perfeição todos os trejeitos de Bruce, do tom de voz aos tiques.

Leia também

Enquete

Você gostou dos primeiros capítulos de Verdades Secretas 2?

Web Stories

+
Mitomaníaco, sem noção ou exibido? 5 vezes que Gui Araujo falou demais em A FazendaDe vendedor de pastéis a diretor de cinema: Por onde anda o elenco de Malhação 2008?Como aconteceu acidente com Alec Baldwin que matou fotógrafa no set de novo filmeCinco casais que se formaram no Casamento às Cegas Brasil e você não sabiaElenco de Verdades Secretas 2: Conheça os novos personagens da novela

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas