Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

RETORNOU DOS MORTOS

Manifest na Netflix: Conheça os bastidores do resgate da quarta temporada

Divulgação/Manifest

J.R. Ramirez como Jared em cena da 3ª temporada de Manifest

J.R. Ramirez vive Jared em Manifest; série perseguiu longo caminho até o resgate pela Netflix

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 15/9/2021 - 20h14

Depois de passar mais de dois meses "morta" com o cancelamento da NBC, Manifest foi resgatada pela Netflix e encerrará a sua história com uma quarta temporada de 20 episódios. O processo que culminou na ressurreição da série no streaming, no entanto, passou por várias negociações e algumas reviravoltas surpreendentes.

Como muitos já imaginavam, o resgate de Manifest só foi possível após a estreia das duas primeiras temporadas na Netflix. Na época, a série ainda aguardava uma posição da rede NBC, sua antiga casa, sobre a renovação depois da conclusão do terceiro ano. A entrada no serviço de streaming teve um resultado melhor do que o esperado: presença no top 10 logo na semana inicial.

Com o cancelamento oficializado pela NBC, uma campanha mundial iniciada pelos fãs --e apoiada pelo elenco-- tomou as redes sociais. Milhares de espectadores cobravam a emissora, Netflix e vários outras plataformas para que Manifest não chegasse ao fim antes do encerramento de sua história.

"Eu já tive outras séries canceladas, mas essa foi a primeira vez que eu vi uma campanha deste tamanho feita por fãs", confessou Jeff Rake, criador de Manfiest, em entrevista à revista Hollywood Reporter.

"Portanto, antes mesmo de termos a chance de levantar um dedo para descobrir se precisávamos de uma campanha de relações públicas para nos salvar, os fãs se manifestaram e espalharam a palavra --o que foi incrivelmente recompensador e encorajador", adicionou.

DIVULGAÇÃO/NBC

Matt Long (Zeke) e Melissa Roxburgh (Michaela)

Nas semanas seguintes, a atração se consolidou como a mais vista da plataforma, algo que apenas alimentou a repercussão nas redes sociais. Rake, então, percebeu que, mesmo com a terceira temporada finalizada recentemente, a maioria dos comentários era sobre os anos anteriores. Ou seja, os fãs não estavam buscando apenas os últimos acontecimentos, mas, sim, maratonando todos os 42 episódios da série.

A situação de Manifest não era fácil. Os contratos do elenco principal expiraram antes da resolução das negociações e, para piorar, a Warner Bros Television, responsável pela produção da série, já havia negociado os direitos de transmissão em outros países com players diferentes. Isso significava que a Netflix não teria a exclusividade fora dos Estados Unidos.

"Queremos realmente que todos os nossos assinantes tenham todos os benefícios do serviço, por isso queríamos que a Warner Bros. se dedicasse a obter todos esses direitos globalmente", revelou Bela Bajaria, chefe de conteúdo de TV global da Netflix.

A continuidade do sucesso da série na Netflix, no entanto, causou uma reviravolta que nem mesmo Rake esperava. Depois de cancelar a série, a NBC voltou a demonstrar interesse em resgatá-la para permanecer com a atração em sua grade de programação na temporada 2021/2022.

"Embora fosse fácil falar 'Eu te avisei', na verdade, assim que descobri que tínhamos uma chance de salvação, potencialmente na NBC, não senti nada além de gratidão. Eles sempre foram fãs do show e realmente o queriam de volta. Mas, ao mesmo tempo, logo ficou claro que havia apenas um caso mais convincente a ser feito: mover a série para a Netflix e terminar com as legiões de novos fãs que surgiram por ali", pontuou o criador.

Do lado da gigante do streaming, segundo Bela, o principal fator que culminou no resgate de Manifest para uma quarta temporada choca um total de zero pessoas: 25 milhões de contas assistiram à série nos Estados Unidos e Canadá em seus primeiros 28 dias disponíveis. Foram 71 dias figurando no top 10, e 19 como a atração mais vista na plataforma.

O entusiasmo dos fãs é sempre bom de se ver, mas realmente não são os e-mails ou tuítes --o que importa é a visualização. Para salvar uma série dessa forma, ele tem que ter aquela visualização dos fãs. Eu aprecio sua paixão e sua conexão aos personagens, mas a audiência [na plataforma] foi o que a salvou. Nós definitivamente vimos que eles se agarraram à produção.

DIVULGAÇÃO/NBC

Josh Dallas em cena da 3ª temporada

Manifest quase virou filme

Durante as negociações para definir o resgate da série, Rake fez três diferentes propostas para Manifest encontrar uma conclusão na Netflix: um filme de duas horas, uma minissérie de seis episódios ou uma quarta temporada completa, assim como outras atrações no streaming. Para a sua felicidade, a última foi a fórmula escolhida.

"Eu dei a eles a opção pequena, a média e a grande. Quando a decisão definitiva chegou, tenho quase certeza de que eu comecei a dançar", contou.

Com a quarta temporada assegurada, a Netflix e a Warner ainda estudam o que fazer com os direitos globais de exibição da série. No Brasil, por exemplo, Manifest está disponível apenas no Globoplay e HBO Max.

De acordo com Rake, os conflitos sobre os territórios internacionais estão sendo resolvidos com uma combinação de táticas: alguns direitos estrangeiros estão sendo comprados de volta, enquanto em outros a solução será aguardar o encerramento dos contratos.

Por conta disso, os novos episódios podem não estrear globalmente de uma vez, mas ter um lançamento escalonado, com alguns países recebendo a nova leva um pouco mais tarde do que os outros.

O resgate no streaming ainda teve um outro lado positivo. Fontes ouvidas pela Hollywood Reporter apontam que a quarta temporada terá um aumento considerável no orçamento, superior aos US$ 5 milhões (R$ 26,1 milhões) por episódio investidos na época da NBC.

"A Netflix disse que quer que continuemos fazendo a série que temos feito e, se eles puderem ajudar com alguns recursos extras para torná-la mais atraente e espetacular, eles querem ser capazes de fazê-lo. Mas eu acho que ainda vai parecer a Manifest pelo qual as pessoas se apaixonaram. Fundamentalmente, com esses 20 episódios, eu vou poder contar a história que sempre planejei contar", concluiu Rake.


Leia também

Enquete

Qual a melhor novela no ar atualmente?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.