Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

NA PRIMEIRA TEMPORADA

Erótica e violenta, Game of Thrones usa sexo para explicar tramas complexas

Imagens: Reprodução/HBO

A atriz Esmé Bianco com Peter Dinklage em cena do primeiro episódio de Game of Thrones - Imagens: Reprodução/HBO

A atriz Esmé Bianco com Peter Dinklage em cena do primeiro episódio de Game of Thrones

JOÃO DA PAZ

Publicado em 6/7/2017 - 5h52

Grande vencedora dos últimos dois Emmys, Game of Thrones retorna à TV por assinatura no próximo dia 16. Lançada em 2011, a série ousou e chocou logo na primeira temporada. Sem pudor, decapitou o então protagonista, Ned Stark (Sean Bean), e usou sexo e nudez para introduzir tramas complexas.

Da mística sobre dragões à cronologia dos reis de Westeros, importantes pontos da série foram contados com mulheres nuas, lesbianismo e muita prostituição, numa estratégia colocada em prática minuciosamente para conquistar o telespectador, como confessou, depois, um de seus criadores.

"O sexo chama a atenção das pessoas. E, uma vez que estão atentas [à televisão], a tendência é elas não se distraírem", justificou D.B. Weiss em entrevista à revista independente norte-americana Mother Jones, em 2013.

O sexo é tão presente na produção da HBO que serviu como iniciação para uma das atrizes, Sophie Turner, a Sansa Stark, que tinha 13 anos ao se deparar com o texto da série. "A primeira vez que eu me deparei com sexo oral foi lendo o roteiro", disse ao jornal britânico Sunday Times no último domingo (2). "Eu lia aquilo e dizia 'Uau! As pessoas realmente fazem isso? Que fascinante'."

Relembre cinco cenas da primeira temporada de Game of Thrones em que o sexo foi uma ferramenta narrativa importante. Todas as temporadas da série estão disponíveis sem custo extra no Now, plataforma de vídeo sob demanda da Net e da Claro TV, para assinantes do pacote HBO. E aproveite para fazer um "esquenta". 

A estreia de Game of Thrones chegou causando, com cena de sexo oral entre Esmé e Dinklage

Quem são os Lannisters?
Logo no primeiro episódio, Game of Thrones mostra a que veio com uma cena de sexo oral entre uma prostituta e um anão. Depois do ato, o telespectador é apresentado à família Lannister numa conversa entre Ros (Esmé Bianco) e Tyrion Lannister (Peter Dinklage), com direito a bumbum e seios de fora.

Ela faz um comentário sobre o irmão gêmeo (Nikolaj Coster-Waldau) da rainha (Lena Headey), a quem chama de "o homem mais bonito dos Sete Reinos". O anão acrescenta que são dois os irmãos, "o bonitão e o inteligente", numa auto-referência. Ros brinca com o parceiro e devolve: "Ouvir dizer que ele [Tyrion] é um demônio, bêbado e perverso". Haveria melhor forma de introduzir quem é quem no clã?

Doreah (Roxanne McKee) quer saber tudo sobre dragões em transa com Viserys (Harry Lloyd)

Poder dos dragões
Um dos elementos mais interessantes de Game of Thrones é destrinchado minuciosamente por Viserys Targaryen (Harry Lloyd) para Doreah (Roxanne McKee), no quarto episódio, quando ambos estão em um uma banheira. O irmão de Daenerys (Emilia Clarke) fala sobre os dragões para a prostituta. Ao ser questionado se ele tem sangue do animal em suas veias, Viserys não foge: "É bem provável que sim".

Os dragões foram usados pelo clã Targaryen para conquistar e unir os Sete Reinos 300 anos antes do tempo em que a série se passa. Viserys deixa isso claro para a parceira: ele revela alguns nomes dados aos bichos míticos e descreve como seus esqueletos decoravam o salão onde atualmente está o Trono de Ferro, em King’s Landing. 

Ros (Esmé) provoca Theon Greyjoy (Alfie Allen), que levanta a voz para defender sua família

E quem são os Nascidos do Ferro?
Ros volta a dar as caras (e o corpo) em uma cena importante do quinto episódio. Ela provoca Theon Greyjoy (Alfie Allen), os dois fazem sexo (há nu frontal masculino e feminino) e passam a bater papo, quando ela dispara: "Você não é o único homem nobre na minha vida, saiba disso". A declaração provoca ira em Theon, e Ros coloca mais lenha na fogueira, dizendo que ele está com ciúmes do anão Tyrion.

Em certo momento, o jovem aumenta a voz, estufa o peito e discursa: "Eu sou um Greyjoy! Nós somos reis das Ilhas de Ferro há 300 anos! Não há família em Westeros que pode nos derrotar, nem mesmo os Lannisters". E depois ele esclarece quem são os Nascidos do Ferro: são os nativos das Ilhas de Ferro, arquipélago estratégico de Westeros.

Mindinho (Petyr Baelish, de costas) vê um sexo lésbico e conta suas experiências de vida 

Chantagem eletrizante
O cafetão Petyr Baelish (Aidan Gillen), conhecido como Littlefinger, ou Mindinho, relata para duas de suas prostitutas, Ros (Esmé) e Armeca (Sahara Knite), sua visão de mundo e como são complicadas as relações nos Sete Reinos.

Na sequência do sétimo episódio, Ros treina a novata Armeca em uma cena de sexo lésbico quentíssima. Littlefinger só as observa e relembra uma paixão do passado, pela qual teve de duelar. Ele está falando de Catelyn Stark (Michelle Fairley), que na época estava solteira.

Littlefinger perdeu a batalha e foi poupado da morte. De uma família pequena e de baixa estatura, percebeu que só conseguiria ser influente nos Sete Reinos à base da chantagem e, a partir de então, decidiu investir nessa estratégia, se tornando peça importante na complexa e eletrizante trama de Game of Thrones.

Pycelle (Julian Glover) detalha seu conhecimento dos reis de Westeros após sexo com Ros

Quem são os reis de Westeros?
No último episódio da temporada, Ros de novo aparece em uma cena crucial. A prostituta é interessada na política e história dos Sete Reinos e se engaja em uma conversa com o conselheiro Pycelle (Julian Glover), que vez ou outra rompe seu voto de celibato e se encontra com a profissional do sexo.

Ele faz um discurso sobre as personalidades dos reis Aerys Targaryen, que "foi um bom homem"; Robert Baratheon (Mark Addy), "poderoso, grande guerreiro"; e Joffrey (Jack Gleeson), filho de Robert, "jovem muito capaz, vejo um grande futuro para ele". Ros se limpa, anda nua pelo ambiente e ouve atentamente as palavras do homem mais sábio dos Sete Reinos sobre os comandantes dos últimos 67 anos.

Leia também

Enquete

Você acha que a edição 2022 de No Limite vai superar a do ano passado?

Web Stories

+
Pão Pão, Beijo Beijo chega no Viva 39 anos depois: Quais atores já morreram?Resumo de Pantanal: Madeleine sofre tragédia, e Bruaca se choca com podridão do maridoGkay já fez harmonização facial? Veja antes e depois da influenciadoraNovela Pantanal: Descubra quem é Guito, o ator que interpreta Tibério na tramaEnquete: Barraqueiro x Sem graça - Vote no casal que vai gerar caos no Power Couple

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas