PAULA PICARELLI

Atriz retorna à Globo 15 anos após rejeitar segundo papel de lésbica em novela

DIVULGAÇÃO/GLOOB

Paula Picarelli interpretará a cientista Marie na série infantil Escola de Gênios, do canal Gloob - DIVULGAÇÃO/GLOOB

Paula Picarelli interpretará a cientista Marie na série infantil Escola de Gênios, do canal Gloob

GABRIEL PERLINE - Publicado em 26/09/2018, às 05h19

Paula Picarelli está de volta à Globo 15 anos após interpretar a estudante Rafaela Machado, namorada da personagem de Alinne Moraes na novela Mulheres Apaixonadas (2003). Ela, que recusou seguir na emissora ao ser escalada para viver uma segunda personagem lésbica, agora será uma cientista na série Escola de Gênios, do canal infantil Gloob.

Paula dará vida a Marie, uma especialista em Física Moderna bem sucedida e mãe de Tesla (Julia Mendes), estudante de 11 anos que é a antagonista da trama. Como viaja bastante para dar palestras ao redor do mundo, a personagem de Paula acaba se dedicando pouco à criação da filha.

Exigente, Marie cobra empenho de Tesla nos estudos para fazer jus ao nome da família e para que se torne um destaque na área de robótica. A renomada cientista recebe um convite para integrar o quadro diretório da Escola de Gênios e vê no novo trabalho uma oportunidade de participar mais ativamente do dia a dia da filha-prodígio.

O nome da personagem de Paula Picarelli é inspirado na polonesa Marie Curie (1867-1934), cientista pioneira no ramo da radioatividade responsável por descobrir dois elementos químicos, o polônio e o rádio, e vencedora de dois Prêmios Nobel.

Escola de Gênios mostrará o dia a dia de alunos superdotados numa instituição de ensino fora do comum. A série acompanha a trajetória de Isaac (Kaik Pereira), garoto de 12 anos prodígio em matemática e mecânica, que verá na robótica a possibilidade de ajudar sua irmã, Maju (Lili Siqueira), que ficou tetraplégica após um acidente de carro, a voltar a andar.

A nova série estreia dia 15 de outubro, às 19h30, no canal do Grupo Globo.

Alinne Morais e Paula Picarelli em Mulheres Apaixonadas (Foto: Divulgação/Globo)

Pausa para refletir
Paula Picarelli tinha 25 anos quando estourou em Mulheres Apaixonadas (2003), na Globo. Era a sua segunda novela, e ela foi tão bem avaliada que logo recebeu convite para uma nova trama, mas ela optou por romper com a emissora. O motivo? O novo papel era o de uma menina masculina e ela não se sentiu confortável.

"Eu lembro que na época tinha surgido a possibilidade de eu fazer uma personagem numa novela das 19h, que era uma menina meio masculina. Daí eu falei: 'Talvez eu já esteja dentro de alguma caixinha na emissora e não me interessa seguir por esse caminho'. Então, eu também procurei outras coisas", disse ao Notícias da TV.

Embora a repercussão de seu trabalho em Mulheres Apaixonadas tenha sido positiva, Paula precisou lidar com o assédio e a curiosidade em torno de sua vida pessoal. Afinal, interpretou uma lésbica no horário nobre da Globo e ainda protagonizou um beijo discreto com Alinne Moraes no último capítulo da novela.

"A experiência na novela foi muito difícil para mim, eu fui muito exposta e eu não tinha certeza do que [eu queria]. Não sabia o que ia acontecer, como eu seria exposta, como a minha vida iria mudar, como eu deveria reagir diante dessa nova realidade. Eu não tinha instrumentos para lidar com o que estava acontecendo comigo naquele momento. Depois da novela, preferi voltar para um projeto meu de teatro, até para entender toda a experiência que eu tinha vivido, e como seriam os meus passos como artista a partir de então."

Depois de Mulheres Apaixonadas, Paula voltou a ter um papel fixo na TV somente em 2014, quando foi escalada para a série Psi, da HBO. Atualmente ela grava cenas da quarta temporada, ainda sem previsão de estreia.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook