Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

TAÍS ARAUJO

Após montanha-russa de emoções, atriz entra nos eixos com série: 'Remédio'

VICTOR POLLAK/TV GLOBO

A atriz Taís Araujo caracterizada como a advogada Vitória em cena da novela Amor de Mãe

Taís Araujo em cena como Vitória em Amor de Mãe, um de seus projetos interrompidos pela pandemia

DANIEL FARAD, do Rio de Janeiro

Publicado em 8/8/2020 - 6h50

Taís Araujo confessa que perdeu o rumo nas primeiras semanas de pandemia da Covid-19. A atriz se sentiu em uma espécie de montanha-russa de emoções no início da quarentena até finalmente entrar nos eixos ao se envolver com as gravações de Amor & Sorte, série da Globo que estreia em setembro. "Foi um remédio para a gente", revela.

Ao receber os roteiros assinados por Alexandre Machado, ela se identificou na hora com a sua personagem --uma mulher trancada em casa com o marido, interpretado por Lázaro Ramos (seu companheiro na vida real), e à beira de um ataque de nervos. "Era um momento em que a gente estava à flor da pele, então me encantei na hora. É bom poder respirar fundo e rir de si mesmo", conta a artista ao Notícias da TV.

Na época, a intérprete se viu de uma hora para outra apenas com o companheiro ao lado para dar conta dos filhos João Vicente e Maria Antônia, de nove e cinco anos, além de todas as tarefas domésticas.

"Estava apavorada em como lidar não só com essa convivência excessiva, mas também com o próprio imóvel. Passei dias até me dar conta que eu não ia conseguir, ainda mais com tudo mundo aqui o tempo inteiro. A sujeira só aumentava. Ainda tinha medo pelos meus pais [que são do grupo de risco]. Estava muito confusa", confidencia a atriz.

As gravações da produção, na qual ela se desdobrou para também trabalhar na parte técnica, como figurinos, cenários e maquiagem, a ajudaram colocar a cabeça no lugar. "Foi uma virada no nosso humor, da maneira de encarar o mundo. Entramos no eixo de novo, porque estávamos perdidos, instáveis. A arte tem esse poder, ela realmente cura", avalia a carioca.

ESTEVAM AVELLAR/TV GLOBO

Taís Araujo e Lázaro Ramos operaram os equipamentos para gravar a nova série Amor & Sorte


Noites de sono

Apesar de já ter contracenado com Lázaro anteriormente, a atriz acredita que a parceria entre os dois passou por uma prova de fogo durante todo esse processo.

"A gente tem muita sorte de trabalhar bem junto. Esse trabalho veio fortalecer o que já tínhamos uma noção nos últimos oitos anos. A pandemia podia criar uma cisão com os ânimos alterados, mas saímos fortalecidos", diz a intérprete da advogada Vitória, de Amor de Mãe.

O galã, inclusive, foi um de seus portos seguros nos momentos mais difíceis. "Ele é mais equilibrado emocionalmente, porque eu sou um caos. Pode até ser que sofra mais, mas tem uma serenidade que me encanta", derrete-se.

Ao contrário da maioria, a única coisa que Taís não perdeu no meio da quarentena foi mesmo o sono. "Eu choro, me descabelo, grito e xingo, mas dá onze da noite, e eu já estou lá dormindo", arremata a atriz.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você acha das demissões de veteranos da Globo?