Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

DIVERSIDADE RACIAL

Após esculacho de atriz negra, criador de Riverdale pede desculpa e promete mudanças

Divulgação/The CW

Com lábios com um batom vermelho forte, a ruiva Madelaine Petsch abraça Vanessa Morgan em cena de Riverdale

As atrizes Madelaine Petsch e Vanessa Morgan em cena de Riverdale; criador pediu desculpas para atriz negra

REDAÇÃO

Publicado em 5/6/2020 - 13h24

O produtor Roberto Aguirre-Sacasa, criador de Riverdale, pediu desculpas a Vanessa Morgan após ela criticar o descaso da série teen com atores negros. "Nós te ouvimos, Vanessa, e te amamos. Pedimos desculpa", escreveu Sacasa em uma postagem no Twitter nesta sexta (5). Ele aproveitou para dar razão a atriz e prometeu mudanças.

"Nós vamos agir melhor para honrá-la, assim como a personagem que interpreta [a jovem Toni Topaz]", continuou o produtor. "Faremos isso, assim como com todos os outros atores e personagens de cor. Mudanças estão acontecendo e continuarão a acontecer. Riverdale vai avançar, não retroceder. Riverdale fará parte do movimento [de inclusão], não estará do lado de fora", afirmou.

A promessa mais importante, a que trará mudanças de fato, veio no final do recado: "Nós sabemos em qual aspecto devemos trabalhar. Na sala de roteiristas". Para que personagens negros sejam melhor representados em cena, é preciso que as pessoas que escrevem suas histórias sejam também negros para dar uma perspectiva mais próxima da realidade. Vanessa compartilhou a mensagem de Sacasa na internet.

Desde o último domingo (31), a atriz usa suas redes sociais para se posicionar contra o descaso em relação aos atores e personagens negros na indústria de entretenimento americana. Ela esculachou Riverdale, por ter experiência própria, questionando a falta de diversidade na série –ela é a única negra no elenco fixo.

"Cansada de como os negros são retratados na mídia. Cansada de sermos retratados como bandidos, pessoas perigosas ou com raiva. Cansado de nós também sermos usados como personagens não dimensionais para ajudar nossos heróis brancos ou apenas nos anúncios por diversidade, mas não na série. Começa com a mídia. Eu não vou mais ficar calada", afirmou a atriz no Twitter.

O posicionamento dela veio em meio a onda de protestos nos Estados Unidos contra a violência policial que vitimiza negros, como no caso de George Floyd, símbolo atual dessa luta, que pede ainda uma maior e melhor presença de pessoas negras na sociedade americana. Floyd foi morto asfixiado após ter o pescoço pressionado pelo joelho de um policial branco, durante nove minutos, na cidade de Minneapolis.

Na terça-feira (2), Vanessa voltou a comentar sobre o tema, dessa vez sendo mais específica com Riverdale. "Pena que sou a única negra no elenco regular. E também a com o menor salário", revelou.

A artista entrou na série na segunda temporada como Toni Topaz, no elenco recorrente. Ela foi promovida na temporada seguinte. A personagem forma com Cheryl Blossom (Madelaine Petsch) um dos principais casais da série.

Riverdale está com a quinta temporada confirmada. No Brasil, o canal Warner exibe os episódios inéditos. As três primeiras temporadas estão disponíveis na Netflix.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?