Sabrina Petraglia

Violentada em Tempo de Amar, atriz afirma que já sofreu assédio na vida real

Reprodução/TV Globo

Sabrina Petraglia em Tempo de Amar; personagem sofrerá assédio sexual na trama das seis - Reprodução/TV Globo

Sabrina Petraglia em Tempo de Amar; personagem sofrerá assédio sexual na trama das seis

FERNANDA LOPES - Publicado em 16/02/2018, às 06h15

A personagem Olímpia passará por uma constrangedora e violenta situação em Tempo de Amar. No capítulo do dia 24, ela sofrerá assédio sexual de um homem e reagirá, o ameaçando com um garfo. A atriz Sabrina Petraglia, de 34 anos, se considera feminista e lembra de situações parecidas enfrentadas por mulheres que conhece na hora de fazer cenas como essa. Ela mesma revela que já viveu casos de assédio.

"E quem nunca? Que mulher nunca foi olhada na rua de uma maneira agressiva, escutou uma piadinha? São detalhes que agridem. Falando vulgarmente, já levei uma encoxada no ônibus, um olhar que me deixou sem graça, sem jeito. Acho que toda mulher já passou por alguma questão. O que o homem faz tranquilamente, a mulher sangra", afirma a intérprete.

Na cena de assédio em Tempo de Amar, Olímpia será convidada para um jantar na casa de Palamedes (o nome do ator não foi divulgado), dono de uma revista feminina que lhe oferecerá uma coluna. A jovem aceitará, sob a premissa de que a família dele também estará presente, mas será surpreendida ao encontrar a casa vazia e perceber que o homem tem segundas intenções.

"Você não é tão ingênua assim. Acreditou mesmo que ganharia uma coluna na minha revista apenas por conta das tolices que escreve?", dirá ele, após passar a mão nas pernas de Olímpia.

"Seu cafajeste! O que está fazendo é abominável! Atraiu-me até aqui para um jantar a dois. Com uma falsa proposta. Isso é assédio! Dê mais um passo e eu não respondo por mim! Seu canalha!", falará ela, apontando um garfo contra o agressor.

De acordo com Sabrina, depois dessa situação Olímpia compartilhará sua experiência para explicar o que é assédio sexual, em uma mensagem tanto para as mulheres do grêmio cultural da novela quanto para as telespectadoras.

"Eu acho de extrema importância tocar nesse tema. A Olímpia vai falar, vai dar lucidez para outras mulheres que estavam sofrendo e não sabiam que isso era assédio. Ela fala que a gente tem que se unir pra despertar outras mulheres para a denúncia. Tem que denunciar. Ela vai correr esse risco na novela e a gente tem que correr esse risco na vida. A gente não pode mais ficar quieta", discursa.

paulo belote/tv globo

Olímpia (Sabrina Petraglia, à dir.) ao lado de Gilka Machado (Miriam Freeland) na novela

Responsabilidade social
Olímpia é o centro das atenções no grêmio cultural, mas na vida de Sabrina ainda há outra personagem que, mesmo fora do ar, continua presente: Shirley. O papel que ela interpretou em Haja Coração (2016) fez tanto sucesso que ainda é lembrado pelo público, mesmo que o visual da atriz esteja totalmente diferente.

"Shirley foi muito forte na minha vida, foi avassaladora. Não sei se um dia eu volto a fazer esse sucesso que foi a Shirley. As pessoas me falam hoje: 'Ah, é a menina da novela das seis que faz a Olímpia. Gostei tanto da Shirley!'. É inevitável. O meu trabalho com a Shirley abriu portas para eu estar aqui hoje, sou muito grata", conta.

Mesmo separadas por mais de 80 anos em suas tramas, Sabrina acredita que há semelhanças entre as duas personagens: ambas suscitam fortes questões sociais com os telespectadores.

"Shirley tinha a questão da deficiência física, da inclusão social do deficiente. E agora estamos falando da questão da mulher. Entendi que era uma responsabilidade muito grande quando soube do papel e fui estudar sobre a condição da mulher [hoje e no século passado]. De maneira leve, porque é uma novela das seis, acho que gente conseguiu pincelar muitos assuntos importantes atualmente", defende.

Últimas de Tempo de Amar

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook