Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Perigo

Éramos Seis: Encurralado por inimigos, Alfredo corre risco de morte na guerra

Reprodução/Globo

O ator Nicolas Prattes em cena de Éramos Seis

Alfredo (Nicolas Prattes) será alvo de uma emboscada dos inimigos durante a guerra em Éramos Seis

REDAÇÃO

Publicado em 12/2/2020 - 6h28

Alfredo (Nicolas Prattes) passará por um grande sufoco nos próximos capítulos de Éramos Seis. Ele e seus colegas soldados estarão numa trincheira e serão cercados, logo de manhã cedo, por uma tropa inimiga. Um dos soldados getulistas vai apontar sua arma para atirar no filho de Lola (Gloria Pires), que não se renderá e correrá sério risco de morrer.

Neste ponto da trama, os paulistas estarão perdendo a guerra, já bastante debilitados. Numa manhã, Alfredo e seus colegas estarão esperando alguém lhes trazer comida, e um dos soldados afirmará que a batalha já está perdida.

"Não fale assim. É o que eles querem... Fazer a gente acreditar que não tem mais jeito. Mas, enquanto tiver bala na minha arma, eu vou lutar", afirmará o irmão de Isabel (Giulia Buscacio).

Logo depois, soldados inimigos chegarão atacando. "Paulista! Acorda para tomar café!", gritará um deles. O ataque será rápido, e logo alguns revolucionários já cairão, mortos.

Este soldado que gritará é Juvenal (nome do ator não divulgado). No capítulo anterior, ele terá sido salvo por Zeca (Eduardo Sterblitch), que o verá se afogando num rio e o ajudará a sobreviver.

Juvenal e os outros soldados inimigos cercarão o grupo de Alfredo, e todos os paulistas largarão suas armas. Menos o filho de Lola, que continuará com arma em punhos. O rebelde vai virar o principal alvo dos getulistas e ficará na mira de Juvenal.

"Atira", aconselhará outro soldado inimigo. Mas, nesse momento, o rapaz se lembrará do momento em que Zeca o salvou, dizendo que poderia ser um parente. Então, o getulista vai abaixar sua arma e desistirá de matar Alfredo.

"Não carece de atirar... Eles estão derrotados", afirmará o soldado. Um amigo de Alfredo, então, irá até ele e insistirá para que largue a arma. "Não vale a pena, Alfredo. A guerra acabou para nós", revelará.

O filho de Lola obedecerá e levantará os braços, em sinal de rendição. Por dentro, no entanto, ele se sentirá com orgulho ferido por não lutar até o fim. As cenas estão previstas para irem ao ar no capítulo do próximo dia 25 em Éramos Seis.


Saiba detalhes de tudo o que vai rolar de mais bombástico nos próximos capítulos das novelas no podcast Noveleiros

Listen to "#2: Com parto no banheiro e gestação suicida, grávidas têm semana difícil nas novelas" on Spreaker.

Últimas de Éramos Seis


Resumos Semanais

Resumo da novela Éramos Seis: Capítulos de 24 a 27 de março

Terça, 24/3 (Capítulo 151)
Isabel comemora a presença de Lola. Inês teme a proximidade de Lola e Leon. Olga e Zeca se preparam para sua viagem de navio. Lola se sente desconfortável na casa de Isabel e Felício, e comunica ... Continue lendo

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.