CHOCOLATE COM PIMENTA

De galã de peruca a vingança do autor: Os bastidores da próxima reprise do Viva

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A atriz Mariana Ximenes completamente coberto de tinta verde como a Ana Francisca em cena de Chocolate com Pimenta

Ana Francisca (Mariana Ximenes) leva banho de tinta verde em cena de Chocolate com Pimenta (2003)

DANIEL FARAD - Publicado em 20/04/2020, às 06h08

A história de Ana Francisca (Mariana Ximenes) irá ao ar pela quarta vez, agora no canal fechado Viva --que exibe o primeiro capítulo de Chocolate com Pimenta (2003) nesta segunda (20). Um dos primeiros êxitos de Walcyr Carrasco na Globo, o folhetim coleciona casos inusitados de seus bastidores, com direito a uma "vingança" do autor.

A vítima foi a atriz Elizabeth Savala, a intérprete da vilã Jezabel. O novelista não gostou quando a atriz incluiu em seu texto alguns cacos, como são chamados os improvisos em cima dos roteiros.

"Quando o ator 'trai' muito [o texto], você se vinga. Eu tive uma atriz bem famosa que inventava falas, então coloquei um problema na garganta [da antagonista] e ela ficou muda durante duas semanas", contou Carrasco, entre risos, durante a Bienal do Livro de São Paulo em 2018.

Kayky Brito também sofreu por conta das horas que perdia na caracterização de Bernadete, um menino que foi criado como menina pela megera vivida por Savala. Com 15 anos na época, ele enfrentou provocações na rua por conta dos laçarotes, vestidos cheios de babado e a peruca de cachos que a personagem ostentava.

O folhetim ainda é lembrado pelo banho de tinta que a protagonista de Mariana Ximenes levou na primeira fase. A cena virou um meme nas redes sociais alguns anos depois da exibição original. "Era uma gosma verde, gravamos [a sequência] de primeira", revelou a atriz em uma participação no Vídeo Show (1983-2019) em 2018.

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Kayky Brito interpreta Bernadete na trama de Walcyr Carrasco: rapaz criado como uma menina


Relembre a história

A trama acompanha Ana Francisca, uma jovem de origem humilde que se apaixona por Danilo (Murilo Benício), o rapaz mais popular da fictícia cidade de Ventura. Os dois, entretanto, enfrentam as armações de Olga (Priscila Fantin). Depois de humilhar publicamente a sua rival, a quem chamava de "maria mijona", a víbora consegue se casar com o bonitão.

Grávida e desesperada, a jovem aceita uma oferta de Ludovico (Ary Fontoura). O dono da fábrica de chocolates propõe um casamento de fachada para não deixar a sua melhor amiga desamparada no momento em que mais precisa. Os dois se mudam para a Argentina, bem longe das línguas ferinas dos habitantes locais.

Após a morte do marido, a neta de Carmem (Laura Cardoso) decide voltar para a cidade natal a fim de se vingar de todos os que a maltrataram no passado.

A produção já foi reapresentada duas vezes pela Globo, na faixa do Vale a Pena Ver de Novo, em 2006 e 2012.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook