Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

NOVA ESTRATÉGIA

De filme a esporte: Globo bomba Cara e Coragem até o limite para fugir de fiasco

SERGIO ZALIS/TV GLOBO

Paolla Oliveira usa maquiagem leve e o cabelo castanho escuro; Marcelo Serrado está com o cabelo baixo e a barba por fazer. Enquanto a atriz veste um vestido azul celeste, o ator usa uma blusa cinza e uma camisa xadrez azul escura e preta

Paolla Oliveira e Marcelo Serrado protagonizarão Cara e Coragem, a próxima novela das sete

SABRINA CASTRO

sabrina@noticiasdatv.com

Publicado em 27/5/2022 - 17h14

Empolgada com o sucesso de Pantanal, a Globo não poupou esforços para divulgar Cara e Coragem. Só nesta semana, a próxima novela das sete nomeou uma sessão de filmes, deu gancho para o tema do Profissão Repórter  e será abordada no Esporte Espetacular. A ideia é repetir o êxito do remake de Bruno Luperi  --e passar longe do fiasco de Um Lugar ao Sol (2021).

A trama de Lícia Manzo foi a novela das nove com a menor média de audiência de todos os tempos. Ainda assim, a autora segue contratada pela Globo. O motivo? A emissora se vê como maior culpada pelo baixo desempenho do folhetim. Entre as decisões erradas, a empresa elencou a falta de um lançamento apropriado da novela.

Às vésperas da estreia de Pantanal, a diferença de tratamento entre as novelas ficou clara. Enquanto a antecessora mal teve chamadas na programação, o remake de Bruno Luperi esbanjou preciosos minutos em intervalos comerciais e marcou presença nos principais programas da casa.

Para se ter ideia, o primeiro capítulo de Pantanal foi exibido com antecedência em uma imensa ação no BBB 22 --com direito a cenários específicos, comidas típicas e até um berrante para os participantes. Dias depois, os bastidores das gravações no bioma foram explorados no Globo Repórter. Isso sem contar as ações de marketing online e offline que rodearam a novela.

Essa nova estratégia mostra que a Globo parece ter aprendido a lição após o fiasco do folhetim de Lícia Manzo, autora que colecionava sucessos na emissora até então --como A Vida da Gente (2011) e Sete Vidas (2015).

DIVULGAÇÃO/TV GLOBO

Caco Barcellos e Paolla Oliveira no Profissão Repórter de terça-feira (24)

Caco Barcellos e Paolla Oliveira no Profissão Repórter

A chegada de Cara e Coragem deixou ainda mais evidente esta mudança de rota. Uma semana antes da estreia, a novela ocupou praticamente todos os eixos da programação da emissora: o jornalismo (Profissão Repórter); o entretenimento (Sessão Cara e Coragem); e o esportivo (Esporte Espetacular) --em ações não muito complexas.

Aposta alta e sem complicações

A entrevista no Profissão Repórter, por exemplo, foi bem curta --apenas o suficiente para causar burburinho. O programa explorou as várias profissões que envolvem riscos, e não só dublês. Também foi mostrado serviços de pintura e manutenção de fachadas em prédios e os atletas de ciclismo.

Já a tal Sessão Cara e Coragem se tratou do tradicional Cinema Especial com um nome diferente. O filme de ação escolhido, Missão Impossível - Efeito Fallout (2018), tampouco era inédito na TV aberta. Ele já tinha sido exibido pela Globo na Tela Quente em 2021.

Segundo apurou o Notícias da TV, a ideia de divulgar a novela dessa forma foi da área de Programação da Globo. Para a empresa, é uma boa sacada ligar produções de Hollywood com o folhetim, que terá sua cota de perseguições eletrizantes e explosões.

A entrevista do Esporte Espetacular, por sua vez, se debruçará na preparação de Paolla Oliveira e Marcelo Serrado. A ideia será explorar as atividades físicas praticadas pelos atores no exercício dos papéis: rapel, escalada, montanhismo, canoagem e paraquedas são alguns exemplos.

"Tudo é adrenalina. Nós ficamos uma semana na Serra do Cipó [região de Minas Gerais] descendo umas cavernas, um lugar ermo", afirma o ator. "Está todo mundo empenhado para estar em forma, para conseguir trazer, seja lá qual esporte for, a realidade disso", completa a atriz, em entrevista divulgada à imprensa pela Globo. 

divulgação/tv globo

Carol Barcellos e Paolla Oliveira no Esporte Espetacular de Domingo (29)

Carol Barcelos e Paolla Oliveira no Esporte Espetacular

Soma-se toda essa estratégia ao fato de que Cara e Coragem será reprisada nas madrugadas, uma forma de atrair o público jovem para a trama --que representa um terço dos televisores ligados no canal nesta faixa.

Em paralelo a isso, Pantanal ganhará um quadro fixo no Altas Horas, o Repórter Pantanal. A ideia é apresentar vídeos despretensiosos feitos pelos atores nos bastidores. 

Por fim, as frequentes entrevistas dos atores ao Fantástico --que apresentará um especial sobre Jesuita Barbosa e Alanis Guillen no domingo (29)--, as análises diárias no Encontro com Fátima Bernardes e o especial no Domingão com Huck deixam ainda mais claro: a Globo sugará o sucesso dos folhetins até o limite --e não poderá nem sonhar com um fracasso nos próximos meses.


Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros

Ouça "#101 - Grande segredo de Quanto Mais Vida, Melhor é revelado!" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Cara e Coragem e outras novelas:


Últimas de Cara e Coragem


Resumos Semanais

Cara e Coragem: Resumo dos próximos capítulos da novela da Globo - 27/6 a 9/7

Segunda, 27/6 (Capítulo 25)
Samuel fala para Ângelo que viu Clarice na rua, e o pescador vai ao encontro do irmão. Pat vai pra casa triste e é consolada por Nadir após ser dispensada como dublê por Andrea. Leonardo pede ... Continue lendo

Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.