Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

RODRIGO FAGUNDES

Ator de Cara e Coragem sonha com dias de Odete Roitman: 'Amaria ser odiado'

DIVULGAÇÃO/TV GLOBO

O ator Rodrigo Fagundes como o Armandinho ao lado de um totem de papelão dele mesmo em cena de Cara e Coragem

Armandinho (Rodrigo Fagundes) em Cara e Coragem; ator quer levar totem para casa no final

DANIEL FARAD

vilela@noticiasdatv.com

Publicado em 17/6/2022 - 6h20

Rodrigo Fagundes faz questão de defender Armandinho apesar das bolas fora em Cara e Coragem. O ator até adoraria fazer um vilão, mas afirma que o dono da Êxito Dublês tem um bom coração por trás das camisas floridas, da pochete e, sobretudo, da autoestima bastante elevada na novela das sete da Globo.

"Ele não é mau-caráter, é um sobrevivente, mas eu amaria ser odiado com paixão pelo público. Ter um momento Odete Roitman [de Vale Tudo, de 1989] seria meu sonho. Mas ele talvez tenha atitudes que dividirão a opinião do público. O personagem precisa aprender algumas coisas na vida", diz o intérprete em entrevista ao Notícias da TV.

Ele não só enrola três mulheres, como também vive às turras com o ex-pupilos Pat (Paolla Oliveira) e Moa (Marcello Serrado) no folhetim de Claudia Souto:

Paolla é um encanto de pessoa. Amei comentar esses dias que não estavam chegando cenas para estarmos juntos, e ela disse que adorava os conflitos com o Armandinho. Eles são quase família, se estranham mas se amam. E para nossa alegria, eles terão mais cenas juntos nos próximos capítulos.

Fagundes também se derrete em elogios para alguns outros parceiros de cena como o display em tamanho natural com a sua figura. "Já pedi para arte da novela para me dar um totem daquelas pare eu levar para casa quando a novela acabar. Vou colocar na sala", assegura.

Ele também se deu bem ao contracenar com o boneco que faz as vezes de saco de pancadas na sala do empresário:

Sou uma ator que adora pôr ação em tudo que dá, pois é uma forma de tornar o texto mais orgânico. Estudo, decoro, mas preciso ter uma ação e ver o que a direção vai pedir na cena. O boneco estava ali e não estava marcado o soco. Saiu no ensaio. A mesma coisa com totens do Armandinho. Sempre que dá interajo com eles.

Charme no bigode

Fagundes ainda se juntou a Guito, o Tibério de Pantanal, como o mais novo bigodudo da televisão brasileira. "Já recebi alguns elogios, tipo sexy e ousado. Amei muito. E brinco que viro onça se alguém não gostar", dispara ele, que até já tinha apostado no visual:

O meu personagem de Babilônia (2005) tinha um bigode também, mas ele era fã de Cauby Peixoto. Então o bigode era diferente um pouco do que uso agora. Aliás, a diretora Natália Grimberg foi quem insistiu na ideia do bigode. Eu disse a ela que achava que não cresceria muito, mas fui deixando e me surpreendi. Fez toda a diferença.

Apesar das brincadeiras, Fagundes deixa claro que não tem uma autoestima tão delirante quanto à de Armandinho. "Estou aprendendo com ele a ser mais cara de pau e atirado na vida. Sou tímido quando não estou entre amigos. Sou mineirinho, né? Demoro a relaxar em ambientes novos", justifica.

O artista demorou a fazer folhetins tradicionais, mas pegou gosto em não só ver, mas também participar ativamente do formato:

Eu já ouvi de alguns 'colegas' lá atrás que jamais faria novela porque fiquei marcado no Zorra Total [1999-2005]. Como se isso fosse um defeito. Aprendi muito lá e quase acreditei nesses infelizes. Mas estou na minha terceira novela e só colhendo os frutos por onde passo e mostro meu trabalho.

Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Cara e Coragem! e outras novelas.


Resumos Semanais

Cara e Coragem: Resumo dos próximos capítulos da novela da Globo - 11 a 14/1

Quarta, 11/1 (Capítulo 195)
Pat revela a Rômulo que estava monitorando os encontros deles para Ítalo. Danilo se desespera com a Citação e exige que Célia arrume um encontro dele com Rebeca. Regina chora com medo de ser presa. Batata ... Continue lendo

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.