Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

LUIZ GUILHERME

Ator de A Infância de Romeu e Julieta se surpreende com falta de ego no SBT

REPRODUÇÃO/SBT

SABRINA CASTRO

sabrina@noticiasdatv.com

Publicado em 19/6/2023 - 6h35

Intérprete de Hélio Campos em A Infância de Romeu e Julieta, Luiz Guilherme coleciona trabalhos em boa parte das emissoras brasileiras --inclusive algumas que sequer existem mais, como a Tupi. Mas ele também passou por TV Cultura, Band, Record e Globo, atuando em minisséries, programas infantis, no icônico Telecurso 2000 e, claro, nas novelas. O SBT, contudo, o marcou por um motivo específico: segundo ele, é o único local em que a disputa de egos entre atores e equipe não é acirrada. 

E olha que o ator conhece a emissora de Silvio Santos há muito tempo. Lá, trabalhou na segunda telenovela de sua carreira: Conflito (1982) --antes, o artista havia atuado no seriado Vigilante Rodoviário (1961), da Tupi, quando tinha apenas 11 anos; na peça A Ópera do Malandro (1979); e na novela Floradas da Serra (1981), da Cultura.

À época, os estúdios ficavam na Vila Guilherme, zona norte de São Paulo, e eram bem menores do que o enorme complexo na rodovia Anhanguera. Silvio Santos havia acabado de conquistar uma emissora de sinal nacional, depois de cinco anos transmitindo seu programa apenas no Rio de Janeiro.

De lá para cá, o ator participou de Sangue do Meu Sangue (1995), Dona Anja (1996), O Direito de Nascer (2001), Seus Olhos (2004) e Carinha de Anjo (2017). E o aspecto "familiar", sem disputas ou rivalidades, permanece. 

"Tem uma coisa aqui no SBT que me encanta, porque não é só o que é mostrado para o público que é familiar. Isto é uma família. Nós temos troca com a [equipe] técnica, com os diretores, com qualquer um que trabalhe com a gente, como disse a Bianca [Rinaldi]. Todos têm um olhar de carinho. Isso é muito difícil num ambiente em que o ego é normalmente exaltado", afirmou ele no evento de lançamento de A Infância de Romeu e Julieta. Guilherme vive Hélio Campos, avô da protagonista Julieta (Vittória Seixas), no folhetim.

Aqui, [sinto que] estamos todos iguais, trabalhando. Para o quê? Para um futuro mais gostoso, para uma participação familiar mais gostosa. Aquilo que o Rica [Ricardo Mantoanelli, diretor da novela] falou de ter o pai, o avó, o tio, a tia, a mãe, a criança... Eu acho que é isso que falta para a gente hoje em dia. Isso é o que eu encontrei no SBT, desde a Vila Guilherme até agora. E tenho muito prazer em estar aqui. 

Essa união de gerações é justamente o argumento da nova empreitada. A trama quer atrair não só as crianças, mas também pais e avós --tanto que a emissora fez um esforço para divulgar a novela não como "infantojuvenil", mas, sim, como "familiar". Mantoanelli até usou uma pesquisa para justificar essa escolha: a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) destacou que avós, pais e crianças convivem em três a cada quatro casas no país.

A questão do ego também é uma preocupação na emissora. Iris Abravanel, autora de A Infância de Romeu e Julieta e das novelas infantis mais recentes do SBT, já admitiu que trata do assunto com o elenco de todos os seus folhetins. "O ego pode estragar a amizade e o resultado da novela", explicou, também no evento.

Apesar da declaração de amor ao SBT, Luiz Guilherme não se furtou de trabalhar em outras emissoras. Foram 17 trabalhos na Globo --com destaque para Rabo de Saia (1984), Felicidade (1991), O Quinto dos Infernos (2002), Kubanacan (2003), A Lua Me Disse (2005) e Tempo de Amar (2018), além da recente Família Paraíso (2002), do Multishow.

Também emendou oito trabalhos na Record entre 2008 e 2018, inclusive as bíblicas Milagres de Jesus (2014) e Escrava Mãe (2016). Sem contar a minissérie O Cometa (1989), da Band, e até uma participação em Castelo Rá-Tim-Bum, da Cultura, em 1997.

Na nova trama do SBT, ele é o patriarca da família de Julieta. Foi Hélio quem inaugurou a rixa histórica entre os Campos e os Monteiro no fictício bairro de Castanheiras. Conservador, o ex-atleta deseja manter o local exatamente como é, com suas casas históricas e pequenos negócios. Leandro (Guilherme Sant'Anna), por sua vez, é um adepto da tecnologia, das grandes construções e de inovações.

Essas visões contrastantes colocam os dois em lados opostos de uma guerra. Num surto, eles decidem dividir o bairro em duas partes, e cada um toma controle de uma delas. Os anos passam, e um lado não se mistura mais com o outro. Muito menos os filhos e netos deles. Isso até Romeu (Miguel Ângelo), neto de Leandro, se apaixonar por Julieta, neta de Hélio.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em A Infância de Romeu e Julieta e em outras novelas.


Resumos Semanais

A Infância de Romeu e Julieta: Resumo dos capítulos da novela do SBT - 22 a 23/2

Quinta, 22/2 (Capítulo 209)
Amanda fala para Mariana que Bernardo foi o doador de sangue de Téo e Mariana questiona o motivo da amiga esconder essa informação dela. No desfile de moda, Lívia esquece a mala de acessórios em casa ... Continue lendo

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.