Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

NOVELA DO GLOBOPLAY

Após passar por transformação, Todas as Flores acelera para estrear 1ª parte

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Sophie Charlote está séria em frente a fundo branco

Sophie Charlote será Maíra a protagonista da novela de Todas as Flores, que estreia em outubro

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 17/6/2022 - 15h55

Com a primeira parte prevista para estrear em outubro, a trama Todas as Flores acelerou sua produção e reuniu os atores da novela do Globoplay em um workshop sobre pessoas com deficiência. A temática estará presente na história de João Emanuel Carneiro, que sofreu uma série de transformações --como a troca do nome da obra que seria Olho por Olho, a baixa no elenco e na equipe.

Protagonizada por Sophie Charlotte, a história conta a história da mocinha Maíra, criada pelo pai em Pirenópolis, Goiás, acreditando que a mãe estivesse morta. O homem, porém, queria esconder da filha que Zoé (Regina Casé), a vilã do folhetim, a rejeitou por causa da deficiência visual. 

Além da protagonista, os amigos dela, Gabriela e Márcio, também terão deficiência. Regina Casé, Sophie Charlotte, Leticia Colin, Humberto Carrão, Caio Castro, Mumuzinho, entre outros atores, participaram de um curso do consultor Guilherme Bara para aprenderem os termos específicos, as diferenças entre cegueira e baixa visão, além de ouvirem sobre processo de aceitação e inclusão.

Novela tem drama

Na história, Zoé reaparecerá quando a filha já estiver adulta, em busca de perdão por tê-la abandonado. No mesmo dia em que descobre que a mãe está viva, o pai de Maíra morrerá. A mocinha, então, vai se mudar para o Rio de Janeiro com a megera e será usada por ela para conseguir recursos para sustentar a sobrevivência de sua irmã caçula, Vanessa (Leticia Colin). 

Além da deficiência, o autor João Emanuel Carneiro abordará luta de classes, injustiça social, tráfico humano e trabalho análogo à escravidão. O novelista também apostará nos universos da perfumaria, moda e samba como plano de fundo da obra. 

Com direção artística de Carlos Araujo, Todas as Flores será dividida em duas partes. A primeira será transmitida de outubro a dezembro de 2022, e a segunda, de abril a junho de 2023. O folhetim terá a mesma dinâmica de Verdades Secretas 2, com liberação de capítulos por blocos. 

Ex-substituta de Pantanal

A novela do autor de Avenida Brasil (2012) substituiria Pantanal no segundo semestre de 2022. Por mudanças na dramaturgia, a obra sofreu alterações e será exclusiva da plataforma de streaming. Conforme informou o Notícias da TV, as mudanças teriam deixado João Emanuel Carneiro descontente. 

Carneiro disse que sente que seu folhetim foi rebaixado pela Globo, uma vez que saiu do horário das nove na TV aberta para virar produto da plataforma de streaming. Fora isso, por causa da demora em começar a produção, o autor teve que lidar com baixa na sua equipe de produção, disponibilizados para outros projetos.

Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros:

Ouça "#105 - Maria Bruaca coloca mais um chifre em Tenório!" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações de Pantanal e outras novelas:


Últimas de Todas as Flores

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.