Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MAIS RISCO

Além da Ilusão: Davi fica na mira de arma de inimigo do passado; saiba quem

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Rafael Vitti grava cena sério, caracterizado como Davi, em cenário da novela Além da Ilusão

Davi/Rafael (Rafael Vitti) em cena de Além da Ilusão; farsante terá morte encomendada na novela

CARLA BITTENCOURT, colunista

carla@noticiasdatv.com

Publicado em 5/4/2022 - 18h11

Joaquim (Danilo Mesquita) encomendará a morte de Davi/Rafael (Rafael Vitti) em Além da Ilusão. O filho de Úrsula (Bárbara Paz) não aceitará o fim de seu noivado com Isadora (Larissa Manoela) e decidirá acabar com a vida do rival. Ele irá atrás de Gaspar (Hugo Resende) para fazer o serviço sujo. Joaquim só não imaginará que o bandido tem uma dívida de gratidão com seu rival na novela das seis da Globo.

Davi estará em casa lendo um livro de ilusionismo quando ouvirá um barulho de espingarda atrás de si e a seguinte frase: "Rafael Antunes? Chegou tua hora, malandro. Se prepara pra morrer". Davi vai se virar apavorado e dará de cara com Gaspar apontando uma carabina para ele: "Gaspar?".

O ex-colega de detenção abaixará a arma na mesma hora sem entender a coincidência: "Davi? Que diabo está fazendo aqui, galego? Vim atrás de um infeliz que se chama Rafael", soltará o bandido. O mágico levantará os braços: "Ei! Cuidado que isso atira. Vamos conversar", pedirá o mocinho.

"Não costumo conversar antes do despacho", responderá Gaspar, que engatará a arma e irá se aproximar de sua vítima. O ilusionista afirmará que foi Joaquim quem o mandou lá, e Gaspar declarará que nunca pergunta o nome do mandante: "Só pego a grana e entrego a encomenda".

"E vai entregar essa encomenda aqui, Gaspar? Vai entregar o homem que te tirou do xadrez? Nunca fomos compadres, mas te ajudei a fugir, Gaspar. Não fosse eu, tava a essa hora mofando na Ilha Grande [presídio em uma ilha do Rio de Janeiro]. Você me deve uma", lembrará o amado de Isadora.

Dívida salva vida do mágico

Gaspar, finalmente, abaixará a arma: "Tá certo, cabra. Te devo uma". Davi vai respirar aliviado e contará tudo que se passou com ele desde que pulou do camburão. O matador, então, soltará:

Rapaz, essa tua história dava uma novela de rádio! O mágico se apaixona pela filha de um figurão. O pai tenta separar o casal, mata a filha por engano e joga a culpa no pobre coitado. Dez anos depois, o cabra escapa do xilindró, assume uma identidade falsa e vai se apaixonar justamente pela irmã da falecida!".

Davi dirá que ficou em Campos para proteger Isadora: "Assim que se casasse com ela, Joaquim ia mandar matá-la, do jeito que está fazendo comigo agora, só pra ficar com a herança! Eu ouvi quando ele combinou tudo com a mãe! Eu amo a Isadora. Minha única saída é provar minha inocência".

O contratado do vilãozinho lembrará Davi que mentira tem perna curta e perguntará até quando ele acha que vai durar a história de "doutor Rafael"? O mágico comentará que não sabe e que seu  maior medo agora é que Joaquim contrate outra pessoa para dar cabo do serviço que Gaspar não vai fazer.

"Se aquieta que deste susto não vai morrer. Vou dar um jeito desse malandro, que encomendou a tua alma, nunca mais pensar em tentar de novo. Você só precisa me dizer onde o malandro mora", dirá Gaspar, fazendo mistério.


Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros

Ouça "#95 - Juma fica cara a cara com a morte" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações de Além da Ilusão.


Últimas de Além da Ilusão


Resumos Semanais

Além da Ilusão: Resumo dos capítulos da novela da Globo - 15 a 20/8

Terça, 16/8 (Capítulo 164)
Leônidas fala com o delegado Salvador sobre o sequestro de seu filho. Ambrósio se recusa a confirmar que o filho de Heloísa é de Úrsula. Eugênio se emociona ao ver Úrsula com o bebê nos braços. ... Continue lendo

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.