Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

VAI VIRAR STAR

Fim da Fox no Brasil: Como ação da Disney causa mudança no mercado

DIVULGAÇÃO/FOX CHANNEL

Imagem do personagem Homer Simpson com a cabeça para fora do carro gritando desesperado enquanto dirige

Principal atração do Fox Channel, Homer Simpson e sua família terão um "novo endereço" em 2021

VINÍCIUS ANDRADE e LUCIANO GUARALDO

vinicius@noticiasdatv.com

Publicado em 19/12/2020 - 7h05

Dois anos depois de comprar a Fox, a Disney colocará um fim na marca em toda a América Latina. A partir de fevereiro de 2021, todos os canais da TV paga que tiverem o nome da antiga empresa serão substituídos por Star. Apesar de a programação continuar a mesma, a mudança causará impactos principalmente no mercado de streaming.

O Disney+, recém-lançado no Brasil, não será a única plataforma digital da empresa do Mickey por aqui. A companhia prepara o terreno para a chegada do Star+, serviço previsto para ser lançado no mercado latino em meados de 2021 --na reunião aos acionistas, a empresa citou o mês de junho.

O serviço de streaming será focado em um público mais adulto, definido pela empresa como homens e mulheres de 18 a 49 anos. O catálogo que hoje está disponível no Fox Play (como as temporadas de This Is Us, The Walking Dead, S.W.A.T e Empire) vai migrar para a nova plataforma.

Principal atração do Fox Channel e com apenas duas temporadas no Disney+, Os Simpsons será um dos principais trunfos do Star+. A plataforma deve reunir todos os episódios da família amarela para os assinantes.

Outra novidade serão os esportes ao vivo, com as competições que atualmente são exibidas pelos canais ESPN. Nessa área, o jornalístico Sportscenter, por exemplo, poderá ser acompanhado através desse serviço, assim como conteúdos e transmissões de futebol, tênis e basquete.

Disponível em lojas de aplicativos e smart TVs, o Fox Play será descontinuado já em 1º de janeiro. Ou seja, também vai acabar. A única maneira que os usuários terão para acessar a plataforma enquanto o Star+ não for lançado será o site oficial --quando o novo serviço ficar disponível, o fim do antigo será definitivo.

A Fox acabou no Brasil?

A transformação da marca foi anunciada em comunicado à imprensa na última quinta (17). Segundo a empresa, o Fox Channel se chamará Star Channel, o Fox Life virará Star Life, e os dois Fox Premium passarão a ter o nome Star Hits.

A mudança de nome só não afetará os dois Fox Sports, que precisam ser mantidos do jeito que estão até 31 de dezembro de 2021 por uma determinação do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), e o FX, que preservará seu nome.

A Disney ainda não anunciou qual será o preço oficial do Star+ no Brasil e outros países, mas informou que ele será oferecido em pacote promocional com o Disney+. A opção de comprar de maneira avulsa também estará disponível.

O novo app será exclusivo para o mercado latino. Nos Estados Unidos, Canadá, Austrália, Europa e outros mercados, a marca Star será integrada na plataforma do Disney+ e será acessível como a sexta opção do serviço, ao lado de Marvel e Star Wars, por exemplo.

Prêmio NTV Melhores do ano


Leia também

Enquete

Qual foi o melhor telejornal ou programa jornalístico do ano?

Web Stories

+
Juan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do atorGui Araujo deixa A Fazenda 13 após expor lado prepotente e preconceituoso; relembreDe série na Netflix a aposentadoria: Por onde anda o elenco de O Cravo e a Rosa?Vladimir Brichta contracena com a filha em Quanto Mais Vida, Melhor; veja outros casosConfinado em A Fazenda 13, Dynho não sabe que Mirella pediu divórcio; como fica o caso?

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas