CONTÁGIO

Filme sobre epidemia está entre os mais procurados após surto de coronavírus

WARNER BROS./DIVULGAÇÃO

Marion Cotillard é puxada pelo braço por um homem com uma máscara protetora na região da boca no filme Contágio (2011)

Marion Cotillard interpreta a doutora Leonora em Contágio (2011); filme está entre os mais alugados no iTunes

REDAÇÃO - Publicado em 31/01/2020, às 15h52

Em meio aos temores provocados pelo surto de coronavírus, infecção que já matou mais de 100 pessoas e teve cerca de 6 mil casos registrados em todo o mundo, o filme Contágio (2011) voltou a integrar a lista dos dez filmes mais procurados no iTunes, plataforma de locação de filmes disponível para clientes da Apple.

O longa, dirigido por Steven Soderbergh, é estrelado por Matt Damon e Gwyneth Paltrow, que interpreta uma mulher que retorna de Hong Kong com uma doença misteriosa.

Conforme a população passa a adoecer e contrair a mesma infecção, profissionais de saúde e funcionários do governo se encontram no meio de uma epidemia mundial enquanto trabalham para encontrar uma cura.

Quando foi lançado, o longa-metragem recebeu boas críticas pelo roteiro tenso e inteligente, além do ótimo elenco, composto por nomes como Kate Winslet, Jude Law, Marion Cotillard e Bryan Cranston. No Brasil, o filme pode ser visto nas plataformas Google Play, iTunes, Looke e YouTube Movies.

Cenários de pânico por epidemias globais são o tema central de muitos títulos clássicos e recentes, entre eles Os 12 Macacos (1995), disponível no Now, sobre um vírus letal que elimina quase toda a humanidade em 1996, forçando os sobreviventes a viverem no subsolo.

Outros exemplos são Filhos da Esperança (2006) --disponível na Globoplay, Google Play, Now e YouTube--, dirigido por Alfonso Cuarón e estrelado por Clive Owen; Invasores (2007) --no Google Play e YouTube Movies--, com Nicole Kidman e Daniel Craig no elenco; e o coreano Flu (2013) --na Netflix--, sobre um vírus letal que infecta um bairro residencial a menos de 20 quilômetros de Seul.

Tudo sobre

Filmes da Netflix

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Na casa de que famoso você passaria a quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook