Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

EXCLUSIVIDADE

Acordo bilionário entre Netflix e Sony leva Morbius e Uncharted para o streaming

Divulgação/Sony Pictures

Tom Holland em cena da adaptação ao cinema de Uncharted

Tom Holland é o protagonista de Uncharted; filme irá para a Netflix após a exibição nos cinemas

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 8/4/2021 - 16h56

A Netflix e a Sony Pictures fecharam um acordo histórico que dará ao serviço de streaming a exclusividade de receber os filmes do estúdio, como Morbius e Uncharted, após a janela de exibição nos cinemas. Válido a partir de 2022, o negócio foi fechado por US$ 1 bilhão (R$ 5,5 bilhões) e terá duração de quatro anos.

De acordo com o site Deadline, a Sony tinha múltiplos interessados em realizar o acordo, mas a proposta de altas cifras da plataforma acabou ganhando a preferência. Nem todos os termos do contrato foram divulgados, mas o negócio confirma que a Netflix terá a exclusividade dos títulos por até 18 meses.

Ainda não foi definido em quanto tempo após a exibição nos cinemas os filmes entrarão no catálogo da Netflix. Sabe-se apenas que o acordo inclui títulos aguardados como Venom 2, Homem-Aranha no Aranhaverso 2, Jumanji e Bad Boys, além dos já citados Morbius e Uncharted.

Além dos grandes lançamentos, a Netflix também terá um acordo inicial para qualquer título que a Sony desejar estrear direto para streaming. A publicação também afirma que o estúdio se comprometeu a fazer várias destas produções exclusivas da plataforma para honrar o negócio.

A parceira com o estúdio serve para o serviço de streaming potencializar o seu catálogo após a perda de títulos importantes para rivais, como todas a produções da Marvel e Pixar (Disney+) e séries como Friends (HBO Max) e The Office (Peacock). A Netflix também se aproveitou do fato de que a Sony não tem um player próprio para exibir os filmes da casa.

"A Sony Pictures é uma grande parceira e estamos entusiasmados em expandir nosso relacionamento por meio deste acordo com visão de futuro", disse o chefe de filmes da Netflix, Scott Stuber, no anúncio oficial.

"Isso não apenas nos permite trazer sua impressionante lista de franquias de filmes amados e novos IPs para a Netflix nos Estados Unidos, mas também estabelece uma nova fonte de títulos inéditos para os amantes do cinema da Netflix em todo o mundo", concluiu.


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você vai acompanhar a reprise de Império?