Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

RODRIGO ANDRADE

Promessa de galã da Globo abandona atuação por sertanejo: 'Novela nunca mais'

Reprodução/YouTube

Rodrigo Andrade no clipe de O Lobo e o Frango, que acumula 2 milhões de visualizações no YouTube - Reprodução/YouTube

Rodrigo Andrade no clipe de O Lobo e o Frango, que acumula 2 milhões de visualizações no YouTube

LUCIANO GUARALDO

luciano@noticiasdatv.com

Publicado em 21/8/2019 - 4h56

Aos 35 anos e na TV há mais de uma década, Rodrigo Andrade decidiu se aposentar da atuação para focar de uma vez por todas na música sertaneja. Ele até tentou conciliar as duas carreiras, mas percebeu que seria impossível se jogar de cabeça na moda de viola enquanto precisasse dedicar um ano de sua vida a um projeto de TV. "Posso até fazer uma participação especial ou uma série... Mas novela inteira nunca mais!", decreta.

A paixão pelo sertanejo surgiu ainda na infância: ele foi criado em Franca (interior de São Paulo), cidade que nos anos 1990 revelou duplas como Gian & Giovani e Rio Negro & Solimões. "Meu avô também era cantor, e o meu pai tocava as músicas lá em casa. O sertanejo não foi uma escolha, é uma vocação", define.

Andrade esteve no ar até abril deste ano, quando chegou ao fim a novela Jesus, da Record. Na trama bíblica, ele foi Simão Zelote, apóstolo do filho de Deus (na novela vivido por Dudu Azevedo). Depois da experiência religiosa, decidiu que era hora de investir na música. A escolha, apesar de recente, já dá resultados para o artista.

"Financeiramente, cantar está sendo muito mais interessante para mim do que atuar. Temos feitos shows por todo o Brasil, tem um retorno que é bem bacana. O clipe da música O Lobo e o Frango já passou de 2 milhões de visualizações no YouTube, a galera está gostando muito", valoriza Rodrigo.

Sertanejo comedy

Como o mercado do gênero é competitivo, com as mulheres do feminejo e duplas de sertanejo universitário dominando as rádios, Rodrigo Andrade decidiu comer pelas beiradas e apostou em um estilo que ele mesmo define como "sertanejo comedy". "As pessoas comparam com Mamonas Assassinas, o que para mim é uma honra, porque eles eram artistas fenomenais", diz.

No vídeo de O Lobo e o Frango, ele interpreta um caubói machão que acaba revelando sua preferência pelos capatazes sarados da fazenda. "É uma crítica contra o preconceito, mas feita de uma maneira bem-humorada", ensina o cantor, que chegou a interpretar um homossexual na novela Insensato Coração (2011).

Andrade também se prepara lançar uma música nova de trabalho, parceria com Hudson (da dupla com Edson), que promove uma mistura de gêneros bem inusitada. "Eu chamo de rap-rock-nejo, porque tem um pouquinho de cada", adianta.

Mesmo se nunca mais voltar à dramaturgia, Rodrigo considera que poderá seguir atuando nos palcos. Afinal, cada uma de suas músicas conta uma história divertida, e ele pode criar personagens diferentes para as canções. "Acho que minha experiência como ator acaba sendo um diferencial."

Confira o clipe de O Lobo e o Frango:


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?