Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

'O EGO INFLADO'

PC Siqueira bate boca e briga com Justus por coronavírus: 'Estão odiando você'

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM E BAND

Reprodução de imagem de PC Siqueira e Roberto Justus

PC Siqueira e Roberto Justus discutiram sobre a gravidade do coronavírus no país

REDAÇÃO

Publicado em 27/3/2020 - 23h33

Roberto Justus e PC Siqueira travaram um debate nas redes sociais por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Na noite desta sexta-feira (27), o youtuber publicou em suas redes sociais um diálogo de quase trinta minutos onde eles discordam sobre os efeitos da infecção do vírus após o apresentador ter manifestado opinião divergente das recomendações dos órgãos de saúde.

Nesta semana, Justus afirmou que "12 mil mortes em 7 bilhões é muito pouco para criar essa histéria coletiva". Em entrevista ao Notícias da TV, o apresentador explicou que é contra o isolamento social, pois poderá ter consequências desastrosas na economia. Mesmo fazendo parte do grupo de risco, ele também disse que não corre perigo de contrair a doença por ter "pulmão bom".

Por conta da repercussão negativa dessas afirmações, o ex-participante do Aprendiz começou a realizar uma campanha para que o apresentador mudasse de opinião e contribuísse com o combate ao vírus. Em uma série de postagens intituladas como "O Ego Inflado", PC tornou pública a discussão que era privada.

No vídeo, Roberto envia uma mensagem privada para PC, onde pede para o youtuber não polemizar o seu posicionamento: "As pessoas inteligentes me entenderam quando disse e continuo afirmando que a recessão econômica causará uma tragédia muito maior e muito mais mortes do que esse vírus, que é inócuo para a grande maioria das pessoas. O tempo te mostrará a realidade", disse em um dos trechos da mensagem.

Na sequência, PC enviou uma série de áudios, nos quais contesta as afirmações do empresário: "Não é uma questão de opinião Roberto, é questão de fato. E eu vou causar sim até você mudar de ideia (...) A gente pode ser seres opostos em opinião, mas os fatos estão aí cara. Eu não acredito que você está fechando os olhos para isso".

"E outro, eu já tinha dado aquele toque, cara. As pessoas estão odiando você, porque você não se pronunciou direito, você não consegue pedir desculpa (...) Só que você é o maior exemplo de todos, você tem que ter noção da quantidade de pessoas que você influencia", seguiu o youtuber, que também pediu para o empresário não duvidar da inteligência dele.

"Ô PC, eu vou ter que te bloquear tá, porque eu tô cansado de você. Eu não tô desrespeitando a sua inteligência, nem nada (...) E eu queria que você parasse de mandar mensagem, eu não quero mais ouvir tua voz. PC, por favor, me deixa em paz, me deixa viver. Fica com a sua opinião, faça o que você quiser, o tempo vai te dizer as coisas e deixa a minha, entendeu?", pediu Justus.

O apresentador de O Aprendiz sugeriu que o youtuber visse um conteúdo gravado pelo Dr. Anthony Wong, toxicologista e assessor da Organização Mundial da Saúde (OMS), onde o médico afirma que a pandemia é uma "histeria e paranoia".

"Se você não quer ouvir a verdade, ela vai chegar até você. É o seguinte, você está acostumado com gente te mimando, eu não vou te mimar. Então ó, não faz mimimi e não se vitimiza (...) Você não é o puta gestor de tudo, que cuida de todo mundo e resolve os seus problemas? Ta aí o problema mano, resolve esse", seguiu o youtuber em uma nova leva de áudios.

"Por que essa obsessão em querer me convencer de alguma coisa? Parece que você está sendo um ditador, um tirano cara, não combina com você. (...) Você não precisaria estar convencendo as pessoas de forma tão obsessiva, tão ditatorial. Respeita cara, isso é uma democracia. Você não vai conseguir ter argumentos para mudar minha opinião e nem queira fazer isso, pois não é relevante", respondeu o empresário.

"Cuida de outras coisas, vai influenciando as pessoas que você quiser e acho ótimo. Eu acho que essa intervenção inicial foi boa, de todo mundo isolado, mas depois tem que ser vertical porque os danos econômicos, não pro meu bolso, que não vai mudar nada na minha vida. Mas as mortes que vão causar, a fome, os insumos", seguiu o empresário na resposta.

PC enviou novas mensagens de áudio, onde segue em discordância com Justus: "Ditador, irmão? A obsessão em tentar convencer você é que você é uma pessoa importante. A sua opinião influencia a opinião de muita gente, é isso que tô querendo dizer (...) Se fosse na tua empresa esse problema, você já tinha dado esporro em todo mundo que nem eu tava dando em você".

A desavença entre os dois é antiga. Desde a participação no reality show, PC e Justus tem posicionamentos divergentes, o que já gerou um "climão" entre eles no lançamento do programa.

Confira os vídeos com a discussão entre Roberto Justus e PC Siqueira:

Ver essa foto no Instagram

O que eu estava falando não era minha opinião. Era sobre o que estava acontecendo e sobre o que iria acontecer. E novamente “eu que não estava entendendo - e nada iria convence-lo do contrário. E esse é o grande chefe, o CEO da pose, que foge quando a agua bate na bunda. Agora vê ai EXATAMENTE acontecendo o que eu estava alertando de bom grado. Mas pode ser tarde, muitas vidas podem ser finalizadas por um capricho, uma teimosia de um milionario - que se acovarda na primeira hora que percebe que errou. Me bloqueou de tudo poi: eu esrava “incomodando” - enquanto ele achava razoavel morrer pessoas para não perder lucro em sua comclave. Os pilares da sociedade são os trabalhadores. Os chefes, são alegorias. Não arrisque sua vida por se deixar levar na labia de milionario. Se você morre, ele coloca outro no seu lugar. Agora é hora de coloca-los em seus devidos lugares, porque o povo não é otario. Peça desculpas, Justus. Invista em leitos e respiradores. Ou se vitimize e passe os ultimos anos da sua vida como um lider que não tem capacidade de conversar como homem para homem

Uma publicação compartilhada por PC Siqueira (@pecesiqueira) em

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você espera ver na TV em 2021?