Desapegada

Fátima Bernardes comenta casamento de William Bonner: 'Não mexe comigo'

Reprodução/Globo

Há seis anos no Encontro, Fátima Bernarde afirma que deixou sentimentos aflorarem - Reprodução/Globo

Há seis anos no Encontro, Fátima Bernarde afirma que deixou sentimentos aflorarem

REDAÇÃO - Publicado em 24/06/2018, às 07h25 - Atualizado às 07h26

Dois anos após o fim da união com William Bonner, Fátima Bernardes não quer saber da vida amorosa do ex. Aos 55 anos, ela namora um homem 25 anos mais jovem e deixa claro nas redes sociais que está em uma nova fase, apaixonada e descolada. Por isso, a apresentadora afirma que não foi vítima no término da relação com o âncora do Jornal Nacional e que não se incomoda com o novo romance dele.

"O casamento dele não mexe comigo. Acho natural que ele reconstrua a vida dele. Assim como também estou tocando a minha", disse em entrevista ao Jornal O Globo deste domingo (24).

Bonner iniciou o processo de união estável com a namorada, a dermatologista Natasha Dantas. Ele e Fátima ficaram casados durante 26 anos e têm três filhos gêmeos. A apresentadora discorda daqueles que lhe imputam o papel de vítima na época do anúncio do fim da relação, em agosto de 2016.

"Embora eu e William tenhamos sido muito discretos, as pessoas intuíram que foi ele que se decidiu pela separação. Me colocaram na posição de vítima. E, no entanto, ninguém sabe quem deu o basta, quem disse 'a partir de agora é melhor não'. Não vamos falar nunca sobre isso", declarou.

Hoje, Fátima fala bastante em seu perfil no Instagram sobre o amor que sente pelo namorado, Túlio Gadêlha, advogado de Recife, Pernambuco. Os dois publicam muitas fotos românticas e em passeios com amigos. Isso passa uma imagem bastante informal da apresentadora do Encontro, programa que completa seis anos no ar nesta segunda (25).

Túlio é apontado como o pivô dessa nova fase de Fátima, e ele mesmo observa o machismo implícito nos comentários sobre o casal. "Só dizem para você como eu estou te fazendo bem. E para mim? Ninguém vai me dizer como você me faz bem?", questionou.

A apresentadora ressalta que seu momento atual, mais leve e divertido, é resultado de um processo muito mais íntimo dela do que do casal, que está junto desde novembro de 2017.

"As pessoas diziam: você está tão mais bonita agora... Mas eu fiquei bem porque passei a olhar mais para mim. Esse processo foi muito anterior ao meu encontro com ele. Por que não aconteceu nada em maio, quando nos conhecemos? Porque eu estava péssima em maio. Quando você está mal, não vai se interessar, nem se tornar interessante para alguém. Mas não há dúvida de que fiquei feliz. Quem não gosta de uma pessoa bacana a seu lado?", contou.

"Resolvi me apoderar do meu momento e dizer o seguinte: o que quero mostrar da minha vida são essas fotos, nesses lugares. Você vai me ver fazendo coisas que têm a ver com o que eu acredito ser a essência do que estou vivendo", falou.

Fátima revelou que essa nova conduta tem lhe ajudado a ser (ainda mais) desprendida no Encontro. "Uma vez, escutei um dos diretores dizendo: "Tem que ter mais Fátima no programa da Fátima". Entendi que, quanto mais me colocasse, não politicamente, mas em termos de essência, de sentimento, melhor seria", explicou.

Encontro com nova Fátima
No ar desde 2012 com seu programa solo, ela contou que no início ainda tinha dificuldade de se desprender da postura de jornalista tradicional. Ao longo de 1553 edições, Fátima ficou mais solta no palco.

"Se eu chegasse lá no primeiro programa e fizesse um pole dance, dançasse samba com alguém ou desafinasse cantando no karaokê, as pessoas iriam se perguntar: Mas peraí, quem é a Fátima? Era aquela [do Jornal Nacional] ou essa? Não tinha plano B. Eu só acreditava nesse plano", declarou.

Hoje, no entanto, dá opiniões pessoais, dança com as atrações musicais e vira meme nas redes sociais. Ela entende que, dessa forma, é natural que sua imagem cause interesse no público.

"Acho que sempre tive características na minha vida que me tornavam mais popular e próxima do público do que qualquer outra pessoa que exercesse a mesma função. O fato de ter me casado com um colega de bancada gerou curiosidade. Depois, quando tentei engravidar e tive três filhos de uma vez, mais curiosidade. E ainda teve Copa, eventos... Acabei trazendo para mim um holofote um pouco maior", disse.

A apresentadora afirmou que não se arrepende de ter mudado de área dentro da Globo, e o posicionamento mais "sentimental" atualmente virou inspiração para mulheres. Fátima recebe mensagens de muitas que também querem ter mudanças na vida.

"Não é nem que elas vão necessariamente encontrar uma pessoa, como eu encontrei, mas acreditam na possibilidade de retomar em algum momento as suas vidas, dar uma virada. E atribuem isso à minha virada profissional, associam a uma questão de coragem. Dizem coisas assim: você teve a coragem de buscar uma gravidez quando era difícil, teve a coragem de mudar o seu trabalho. Nem nos meus melhores sonhos eu imaginava que podia rolar isso", confessou.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

O que você espera de O Sétimo Guardião?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook