Késia Estácio

Ex-participante do The Voice, atriz do Fora de Hora critica racismo na mídia

Divulgação/TV Globo

A atriz Késia Estácio caracterizada como a repórter Patrícia Evelyn, personagem que interpreta no Fora de Hora

A atriz Késia Estácio caracterizada como a repórter Patrícia Evelyn, personagem que interpreta no Fora de Hora

FERNANDA LOPES - Publicado em 23/03/2020, às 05h24

Késia Estácio hoje se destaca como comediante no Fora de Hora, humorístico que vai ao ar nas noites de terça na Globo, mas ela já apareceu na emissora oito anos antes: foi finalista do The Voice Brasil em 2012. Ela confessa que se sentiu um pouco perdida após o fim do reality, mas hoje encontrou seu lugar no audiovisual e critica a falta de mais profissionais negros nos programas de TV e no cinema.

"Gostaria de ver mais negros e negras ocupando o audiovisual. Atuando, dirigindo, escrevendo, maquiando, iluminando, filmando, produzindo, vestindo. A 'desculpa' usada de que não há profissionais se chama racismo estrutual. Onde estão procurando [profissionais negros]? Estão procurando? Estamos aqui!", ela afirma.

A fala dela tem relação com a polêmica envolvendo Antonia Pellegrino, que deu a entender numa entrevista a Mauricio Stycer, do UOL, que não encontrou negros bons o suficiente para a direção de uma série de ficção do Globoplay sobre a vida e o assassinato da vereadora Marielle Franco (1979-2018).

Há dois anos, a equipe do Tá no Ar, humorístico da Globo que é considerado um precursor do Fora de Hora, também ficou numa saia justa ao ter de responder por que não havia nenhum ator ou atriz negros no elenco.

"É até uma dificuldade pra gente, a química de formar o elenco se dá por muitas razões. É óbvio que a gente gostaria de ter um ator negro, por uma questão de representatividade. Quando a gente precisa, a gente traz como convidado, mas talvez seja mesmo uma falha nossa não ter conseguido encontrar alguém e falar 'essa pessoa vai encaixar'. De fato, a gente lamenta", tentou justificar Marcius Melhem em janeiro de 2018.

Agora, parece que a emissora procurou começar a corrigir essa falha. O elenco do Fora de Hora tem Késia como uma repórter que faz coberturas de situações absurdas e Paulo Vieira como um âncora sincerão e sem noção.

Késia fez teste para conseguir o papel no programa --antes disso, ela tinha feito pequenas participações em novelas. Seu trabalho de maior divulgação nacional havia sido mesmo o The Voice Brasil. Na temporada de estreia, em 2012, ela chegou até a final como participante do time Lulu Santos.

"Pra mim foi realmente especial. Eu me lembro de passar nervoso, dos desafios
para me manter até a final, do público com amor e ranço. Uns gostavam, outros não. Tive que driblar as ofensas aleatórias. Foi intenso!", conta.

Após o programa, Késia não teve uma carreira na música cheia de hits nas rádios, o que também não aconteceu com nenhum dos ex-participantes do reality. Mas até hoje ela continua se dividindo entre a música e a atuação.

"Não me decepcionei, mas confesso que esperava mais da vida. Porém eu não tinha muita noção do que estava nas minhas mãos realizar, conquistar. Me senti um pouco perdida. Mas não posso negar que nunca mais parei de trabalhar com música. Pretendo lançar singles em breve", promete.


Saiba tudo que vai acontecer nos próximos capítulos das novelas no podcast Noveleiros

Listen to "#7: Final de Éramos Seis e futuro de Amor de Mãe: Saiba tudo que vai rolar!" on Spreaker.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual reprise da Globo você mais quer ver?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook