Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

LIBERTAÇÃO

Ex-BBB se arrepende de não ter se assumido gay no reality: 'Me deixou travado'

Reproduções/Globo e Instagram

Cristiano Carnevale mais loiro e magro no BBB4, e atualmente, sem camisa e musculoso

Cristiano Carnevale durante o BBB4 e mais de 15 anos após ficar famoso na TV

REDAÇÃO

Publicado em 18/8/2020 - 10h51

Ex-participante do Big Brother Brasil, da Globo, em 2004, Cristiano Carnevale abriu o jogo sobre não ter se assumido gay no período em que ficou confinado no reality show. Casado com um venezuelano e morando no Chile há três anos, ele disse que na época do programa se importava muito com a opinião das pessoas: "Me deixou travado", declarou.

Participante da edição que deu fama a Sol 'iarnuou', Cristiano relembrou sua passagem pela atração, que consagrou a ex-babá Cida como vencedora. "Não me arrependo e participaria outra vez. Me jogaria muito mais nas festas. Não ter me assumido [a homossexualidade] na época me deixou travado, me preocupava muito com minha mãe e a opinião alheia", afirmou em entrevista ao Gay.blog.br.

Ele ainda deu uma dica para as pessoas que pretendem entrar no BBB nas próximas edições, que tem a missão de superar o sucesso de 2020. "Acho que o povo que entra deve parar de pensar e apenas sentir. Independentemente de ganhar ou não. Apenas viva! Porque essa memória fica para sempre. Aprendi muito ali, mas o maior aprendizado mesmo veio muito depois", completou.

Com o corpo completamente transformado nos últimos anos, Cristiano disse que a mudança ocorreu à medida que ficava mais confiante e seguro de si.

"Essa mudança veio pouco a pouco junto com a minha personalidade. A necessidade surgiu para eu me sentir fisicamente mais seguro. Sentia que precisava mudar. Tracei uma meta e falei: 'Eu quero chegar aqui'. Imprimi uma foto na época de uma cara com um corpo massa e falei: 'Tá maneiro esse shape… Bora correr atrás'. E também, por fim, como estava solteiro tinha que dar um up… E aí esse desejo tornou-se um hábito e depois uma paixão", explicou.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você vai acompanhar a reprise de Império?