BATIDA EM ABRIL

Diego Alemão é indiciado por quatro crimes após acidente de trânsito no Paraná

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Diego Gasques em foto publicada em seu Instagram

Diego Gasques em foto publicada em seu Instagram; vencedor do BBB7 indiciado por quatro crimes no Paraná

REDAÇÃO - Publicado em 22/05/2020, às 19h00

Diego Gasques, conhecido como Alemão, foi indiciado pela Polícia Civíl do Paraná após se envolver em um acidente de trânsito em Curitiba, em abril último. Na ocasião, ele foi preso após ameaçar o outro motorista e insultar os oficiais. O vencedor do BBB7 deve responder agora pelos crimes de ameaça, lesão corporal, embriaguez ao volante e desacato.

A batida em que o ex-BBB se envolveu aconteceu em 18 de abril. O motorista de aplicativo Fábio dos Reis Rosário afirmou que estava com o carro parado, esperando uma corrida, quando o empresário colidiu na traseira de seu veículo.

O homem alegou que Alemão não queria que a polícia fosse chamada e o agrediu no rosto, deixando-lhe um ferimento na boca. Quando os oficiais chegaram ao local, Gasques se recusou a fazer o teste do bafômetro e foi levado para a Delegacia dos Delitos de Trânsito. Ele saiu da prisão em 19 de abril após pagar fiança de R$ 7 mil.

Mais de um mês após sua prisão, o vencedor do BBB7 recebeu a notícia de seu indiciamento. Em comunicado, a Polícia Civil do Paraná confirmou que o "inquérito policial contra o ex-BBB foi concluído e enviado para a Justiça no dia 20 de maio".

Ao Notícias da TV, Edson Facchi, advogado de Rosário, analisou o andamento do caso como ponto positivo para seu cliente. "A autoridade policial fez minucioso relatório, demonstrando a materialidade do crime e sua autoria, analisando vastas provas de sua culpabilidade", disse.

"Isso só reforça a prática dos crimes perpetrados pelo senhor Diego Gasques, principalmente a lesão corporal havida contra Fábio Reis, e que não houve, da parte dele, nenhum tipo de extorsão", completou.

Procurado, o advogado Jeffrey Chiquini, que representa Diego Alemão, não retornou as ligações da reportagem. 

Entenda o caso

Diego Alemão foi preso na manhã do dia 18 de abril em Curitiba, capital do Paraná. Ele foi autuado por conduzir veículo sob efeito de álcool ou qualquer outra substância psicoativa, lesão corporal e desacato. Passou uma noite preso. Sua liberação aconteceu por volta de 15h de 19 de abril após pagar fiança de R$ 7 mil.

Em 20 de abril, o empresário voltou à Dedetran para registar um boletim de ocorrência contra Rosário, acusando o motorista de extorsão. Ele afirma ter feito transferências no valor de R$ 7 mil para o homem durante uma negociação.

Gasques relatou que transferiu R$ 3 mil para a conta do motorista para reparar a batida. No entanto, ao ser reconhecido como personalidade da mídia, o condutor teria exigido mais dinheiro. Alemão, então, pagou mais R$ 4 mil.

Edson Facchi, advogado de Rosário, confirmou que seu cliente recebeu a quantia do ex-BBB. Entretanto, frisa que o valor foi dado para seu cliente “voluntariamente” e não mediante extorsão.

Durante o andamento do caso, o artista denunciou que foi vítima de outra tentativa de extorsão por Daniel Alves, o homem que gravou sua prisão, e seus dois representantes, Maurício Gomes Tesserolli e Walter José de Fontes. Os três foram presos por extorsão, associação criminosa e fraude processual. 

Em uma reviravolta, Alves e seus dois advogados foram liberados da cadeia e alegaram que houve uma "infeliz estratégia". Ygor Nasser Salah Salmen, que faz a defesa do rapaz, informou que havia uma negociação legítima entre as partes. 

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual novela a Globo deve passar após Fina Estampa?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook