Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

ÓDIO NA INTERNET

Criticados por lives na quarentena, Zé Neto e Cristiano não engolem haters: 'Birra'

DIVULGAÇÃO

Zé Neto & Cristiano durante live em 6 de junho no YouTube

Zé Neto & Cristiano durante live em 6 de junho no YouTube; cantores criticados por shows na pandemia

REDAÇÃO

Publicado em 27/7/2020 - 6h45

No fim de junho, a dupla Zé Neto & Cristiano precisou enfrentar uma enxurrada de críticas por ter entrado na onda das lives durante a pandemia. Internautas acusaram os sertanejos de furarem a quarentena e disseram que esse foi o motivo de Neto ter contraído Covid-19. "Eu tenho birra de hater", admite o parceiro do cantor, que não engole quem julga e promove o cancelamento de famosos na internet.

Neto testou positivo para Covid-19 juntamente com seu pai, que ficou assintomático. Na ocasião, ele relatou ter sentido sintomas fortes da doença e reclamou da negatividade nas redes sociais. "Algumas pessoas meteram a boca e falaram que [a gente] não respeita [a quarentena]. Ninguém é 100% perfeito. Todo mundo está sujeito a erro", admitiu na época.

Mais recentemente, o cantor se descuidou no Instagram e publicou a tela de seu celular na ferramenta Stories. Na imagem, foi possível ler um SMS de uma fã que havia sido bloqueada por ele no WhatsApp. No caso, ela deu uma bronca no ídolo. O caso também repercutiu na web.

A dupla confessa: entender a política do cancelamento e do julgamento dos haters é um ponto que ainda precisa ser trabalhado por ambos. Mas Neto, vítima mais recente das redes sociais, alfineta seus algozes virtuais.

"Se tudo na vida fosse só elogios era fácil. Meu pai sempre me falou uma coisa que levo para mim: 'Quando tiver mil falando bem e dez falando mal, acho que você está no caminho certo. A partir do momento que tiver mil falando mal e dez falando bem, você está fazendo as coisas erradas'", analisa o artista para o Notícias da TV.

"Acho que, por enquanto, estamos bem longe desses números. A gente releva porque são pessoas que realmente não encontraram sua paz de espírito e felicidade. E procuram, talvez, destruir a dos outros. Graças a Deus, não me atrapalha em nada. Dou é risada de algumas coisas", conta ele.

Sertanejo indignado

Cristiano, por sua vez, não consegue ser tão ponderado quanto seu parceiro. Ele sofre muito com os haters e não suporta ver seus amigos do mundo da música se tornarem alvo dos odiosos.

"Sou bem diferente do Zé. Eu me magoo muito, me irrito muito. Comparo uma pessoa que fica lá na internet falando mal, fazendo essa disseminação de ódio, com o cara que maltrata um cachorro na rua, que bate na mulher em casa... É uma maldade muito grande", contrasta.

"Todo mundo tem um momento de revolta, mas guarda para você. Expor aquilo [na rede social] é tão triste e desnecessário. Não gosto e é uma das coisas que me afasta da internet. Não consigo [lidar], tenho dificuldade de administrar", admite.

O artista se incomoda tanto com os julgamentos que sai em defesa de outras vítimas recentes de haters: Marília Mendonça e Maiara. Na semana passada, a ex-namorada de Murilo Huff precisou pedir para que os internautas parassem de acusar o pai de seu filho de traição.

Maiara, por sua vez, apareceu chorando nas redes sociais após ser atacada por terminar o namoro com Fernando Zor. A relação ioiô fez os dois virarem alvo de depreciação dos próprios seguidores.

"Fiquei tão chateado de ver a Maiara ter que passar por isso. No caso da Marília e do Murilo, relacionamentos acabam. Quando um artista separa, automaticamente as pessoas falam: 'É traição'. Por quê? As pessoas querem destruir o outro. O ser humano é isso. Infelizmente, a gente ainda tem que evoluir muito", alerta.

DVD em plena pandemia

Curado do Covid-19, Zé Neto retomou sua agenda com Cristiano. A dupla, então, tratou de intensificar a divulgação do quarto trabalho audiovisual deles: Por Mais Beijos Ao Vivo, gravado em outubro de 2019, em Belo Horizonte, e lançado em março. A pandemia, no caso, atrapalhou os cantores a emplacarem novos hits.

"A gente tinha planos de fazer de um jeito e acabou acontecendo de outro", confessa Neto. Para disseminar as canções, eles passaram a disponibilizar os clipes inéditos do DVD gradativamente no YouTube.

"Ainda temos esperança nesse DVD. [O coronavírus] Atrapalhou demais esse DVD na nossa carreira. No momento que era para ele estourar, veio a pandemia e tirou o foco. A gente ainda tem músicas boas nesse repertório. Acredito que possa dar um bom caldo e bons frutos", considera.

Cristiano entrega que eles planejam com cuidado os próximos passos da parceria. Afinal, não há previsões concretas da flexibilização da quarentena para shows ou para a realização de grandes eventos.

"A gente fica até meio perdido. É tudo muito novo. Estamos tendo reuniões com empresários para ver o que vai ser feito. É triste você ter no meio da pandemia um projeto igual ao nosso DVD de Belo Horizonte. Estou meio perdido", lamenta.

Seu parceiro, por sua vez, avisa que o Covid-19 não brecou a inspiração artística deles: "Parado a gente não fica. Já temos outro repertório pronto para lançar".

Confira a última live de Zé Neto & Cristiano, realizada em 6 de junho: 

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?