DE FULLER HOUSE

Condenada por propina, Lori Loughlin quer voltar a atuar quando sair da prisão

REPRODUÇÃO/NETFLIX

Imagem de Lori Loughlin em cena como Rebecca Katsopolis na série Fuller House

Lori Loughlin como Rebecca Katsopolis em cena da série Fuller House; atriz está presa nos Estados Unidos

REDAÇÃO - Publicado em 03/06/2020, às 14h19

Condenada a dois meses de prisão por pagar propina a uma universidade nos Estados Unidos para aceitar suas filhas como estudantes, Lori Loughlin disse que pretende voltar para a televisão quando for solta. A atriz, famosa por interpretar Rebecca Katsopolis na série Três É Demais (1987-1995), se declarou culpada pelas acusações e recebeu a pena em maio.

Segundo o site da revista US Weekly, uma fonte próxima a Lori disse que ela está otimista quanto ao retorno para os holofotes. "Ela [finalmente] quer contar a sua versão da história", disse a fonte. O marido da atriz, Mossimo Gianulli, também foi condenado e pagará uma pena um pouco maior: serão cinco meses atrás das grades. Ela ainda passará dois anos sendo supervisionada pelas autoridades.

Além do cárcere, o acordo judicial que o casal fez inclui uma multa que somada, chega a US$ 400 mil, equivalente hoje a mais de R$ 2 milhões, e mais de 300 horas de serviço comunitário. 

Lori retomou o papel de Becky em 2016, quando a Netflix lançou a série Fuller House, uma continuação da história original dos anos 1990. A atriz apareceu nas quatro primeiras temporadas, mas não retornou na segunda parte da última temporada, lançada nesta terça-feira (3). Seu marido na ficção, John Stamos reviveu Jesse Katsopolis em três episódios da nova leva, incluindo o final.

Relembre o caso

Lori, Gianulli e outras 50 pessoas foram acusados pela Justiça norte-americana de participar de um escândalo envolvendo a compra de vagas em universidades renomadas como Yale, Stanford, Georgetown e a USC (Universidade do Sul da Califórnia) por meio de suborno. O casal teria tentado comprar vagas para as duas filhas, Olivia, de 20 anos, e Isabella, de 21.

A atriz e seu marido foram acusados de conspiração por cometer fraude postal e eletrônica, lavagem de dinheiro e suborno a programas federais. Ela se declarou culpada apenas pelo suborno, mas se for condenada por todos os crimes ao lado do marido, pode pegar até 45 anos de prisão.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual novela a Globo deve reprisar depois de Novo Mundo?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook