Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

POLÍCIA SE ENVOLVEU

Bárbara Heck desmente barraco em festa após denúncia de Cauã Reymond

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Bárbara Heck e Cauã Reymond estão lado a lado na montagem

Bárbara Heck e Cauã Reymond: ex-BBB deu uma festa no mesmo condomínio em que o ator mora

IVES FERRO

ives@noticiasdatv.com

Publicado em 9/5/2022 - 14h08

Bárbara Heck abriu o jogo sobre um suposto desentendimento com Cauã Reymond no último fim de semana, após ele chamar a polícia e interromper a festa de aniversário em um condomínio localizado em Joá, no Rio de Janeiro. Segundo a ex-BBB, não houve confusão entre os dois.

"Não adianta falar. As pessoas querem ver o que elas querem ver. Preciso exercitar o meu silêncio", afirmou a loira em seus Stories do Instagram, nesta segunda-feira (9). Bárbara já havia comentado sobre a situação em entrevista ao UOL, mas não gostou da repercussão negativa de sua fala.

"Povo inventa história que não aconteceu. Querem ver barraco. Algo que foi resolvido em um minuto. Eram dez e oito da noite, tudo foi conversado numa boa. Deu cinco minutos, no máximo, de resolução. Meia-noite acabou, só cantamos parabéns e todo mundo foi para casa. Ninguém acabou com festa e paz de ninguém", revoltou-se.

A festa aconteceu na noite do último sábado (7) e era a comemoração do aniversário de Rick Maia, namorado da modelo. A assessoria de imprensa de Reymond comunicou ao portal de notícias que ele pediu para o som ser abaixado e, caso não solucionassem o problema, chamaria a polícia.

Bárbara havia confirmado a versão de Reymond para a coluna de Lucas Pasin, do UOL, inclusive a presença dos oficiais: "Foi tudo conversado numa boa. Abaixamos um pouco, mas não acabamos com a festa. Cauã foi muito educado".


Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.