Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

LUTO

Ator de Flor do Caribe, Jonas Mello morre aos 83 anos; enterro será em Santos

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Imagem de Cassiano e Arruda em Flor do Caribe

Jonas Mello como o personagem Arruda em Flor do Caribe, sua última novela; ator morreu aos 83 anos

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 19/11/2020 - 1h29
Atualizado em 19/11/2020 - 13h10

Jonas Mello, intérprete de Arruda em Flor do Caribe, morreu na quarta-feira (18), aos 83 anos. O corpo do ator foi encontrado no apartamento dele, localizado em São Paulo. A trama de Walther Negrão foi o último trabalho do veterano na televisão, que se aposentou das novelas e decidiu se dedicar aos trabalhos de locução. O velório e o sepultamento serão realizados na tarde desta quinta-feira (19), no Cemitério Memorial de Santos, no litoral paulista.

Segundo o relato de Josefina Rodrigues de Mello, irmã de Jonas, o ator entrou em contato com um primo na tarde de quarta e relatou um desconforto em sua saúde. O parente foi até a residência do locutor, onde o encontrou morto sobre uma cama.

"Ele dirigia, fazia as compras, caminhava pelo bairro e estava bem para um senhor de 83 anos", afirmou Josefina para a Agência Record. O velório está marcado para 14h, e o corpo de Mello será enterrado às 18h.

O último trabalho dele na televisão foi como o capanga de Dionísio (Sérgio Mamberti) na trama das seis da Globo. Antes disso, atuou em outras novelas da emissora, como o remake de O Astro (2011), Salve Jorge (2012), Barriga de Aluguel (1990) e Baila Comigo (1981).

Na Record, ele interpertou Francisco, braço direito de Leôncio (Leopoldo Pacheco) em A Escrava Isaura (2004), e também esteve no elenco de outras produções, como a novela Estrela de Fogo (1998) e a minissérie O Desafio de Elias (1997). A emissora emitiu uma nota de pesar sobre o falecimento do ator:

"A Record TV lamenta o falecimento do ator Jonas Mello registrado nesta quarta-feira, 18 de novembro de 2020. Sua trajetória artística nesta emissora foi marcada por diversas produções: Estrela de Fogo, Por Amor e Ódio, O Desafio de Elias e aquele que seria seu derradeiro trabalho na emissora, a novela A Escrava Isaura. Nesta última, interpretava Francisco, o braço direito de Leôncio (Leopoldo Pacheco).  

Expressamos nossas condolências aos familiares, amigos e admiradores do talento deste profissional que ajudou a escrever a história da televisão brasileira", diz o comunicado.

No currículo televisivo de Jonas Mello, também estão presentes dublagens (ele emprestou a voz ao desenho animado Cavaleiros do Zodíaco, por exemplo) e trabalhos no SBT, na Manchete, na Band, na Gazeta, na Cultura e na extinta Tupi.

Confira a publicação:

TUDO SOBRE

Flor do Caribe


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?