AMANDA RAMALHO

Apresentadora volta atrás, desiste de demissão do Pânico e vai se tratar

REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Amanda Ramalho em cena de vídeo publicado no em seu canal no YouTube; apresentadora está afastada - REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Amanda Ramalho em cena de vídeo publicado no em seu canal no YouTube; apresentadora está afastada

GABRIEL PERLINE - Publicado em 19/11/2018, às 19h53 - Atualizado em 20/11/2018, às 05h00

Um mês após anunciar nas redes sociais a sua saída do programa Pânico, da rádio Jovem Pan, Amanda Ramalho segue contratada e recebendo seu salário normalmente. Ela voltou atrás em sua decisão e aceitou a oferta de Emílio Surita, que vetou sua demissão e a afastou para que cuidasse de sua saúde. A apresentadora luta contra a depressão.

Até ontem (19), Amanda não tinha ido ao departamento de Recursos Humanos (RH) da rádio para oficializar a demissão. Uma das funcionárias do setor chegou a questionar integrantes do programa sobre a rescisão da apresentadora, e foi orientada a conversar diretamente com Emílio Surita.

O líder do Pânico tem sustentado a permanência de Amanda Ramalho no time e deu a sua pupila prazo indeterminado para ela se recuperar e voltar ao programa quando se sentir bem. Até lá, seguirá recebendo seu salário normalmente.

No RH, a preocupação é o encaminhamento da situação de Amanda. Para continuar recebendo seu salário sem trabalhar, ela precisa apresentar laudos médicos que confirmem sua luta contra a depressão e um pedido de afastamento assinado pelo médico que a assiste. Surita tem colocado panos quentes e convenceu os donos da rádio a não pressionar Amanda e deixá-la resolver a situação em seu tempo.

Emílio Surita é bastante conhecido por sua generosidade e pela maneira gentil como trata todos os funcionários. Pelo fato de ter descoberto Amanda quando ela era ouvinte assídua da rádio e tinha apenas 17 anos, ele tem um carinho especial pela apresentadora.

Procurada, Amanda Ramalho não atendeu às ligações da reportagem.

Entenda o caso
Amanda Ramalho se afastou do Pânico após se desentender ao vivo com o cantor Biel no programa do dia 23 de outubro. O rapaz acusou a apresentadora de dizer que queria vê-lo morto e que tinha o material gravado. Ela não lembrava de sua fala, mas reforçou a ideia, e o funkeiro abandonou a entrevista no meio e foi embora.

Fãs de Amanda ressuscitaram o tal vídeo e descobriram que a apresentadora nunca havia dito que queria o cantor morto, mas até a verdade vir à tona o estrago já havia sido feito.

Ela se estressou ao vivo com o artista, que passou quase dois anos recluso nos Estados Unidos após se envolver em diversos escândalos e ver sua promissora carreira escoando pelo ralo. Assediou sexualmente uma jornalista, provocou acidente de carro e não prestou socorro à vítima, teve tuítes antigos ressuscitados, nos quais xingava apresentadores e outros artistas.

Queimado, mudou-se de país, tentou refazer sua imagem e não conseguiu. Lá fora, agrediu sua ex-mulher, a digital influencer Duda Castro, e foi parar na delegacia.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu casal favorito no Power Couple?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook