Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

NA INGLATERRA

Aos 95 anos, rainha Elizabeth 2ª está com Covid-19 e tem sintomas leves

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Rainha Elizabeth 2ª sorri em foto de divulgação, na qual usa vestido estampado e colar de pérolas

Rainha Elizabeth 2ª testou positivo para a Covid-19; informação foi confirmada neste domingo (20)

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 20/2/2022 - 14h09

A rainha Elizabeth 2ª está com Covid-19. A informação foi confirmada neste domingo (20) por um porta-voz do Palácio de Buckingham, na Inglaterra. Até o momento, a monarca de 95 anos tem apenas sintomas leves, comparáveis a de uma gripe. O gabinete da rainha também fez questão de comunicar que ela foi totalmente vacinada contra o vírus Sars-Cov-2.

"Sua majestade está com sintomas leves de resfriado, mas espera continuar com tarefas leves em Windsor na próxima semana. Ela continuará recebendo atendimento médico e seguirá todas as orientações apropriadas", informou p porta-voz do palácio às agências de notícias internacionais.

No último dia 10, o príncipe Charles, 73 anos, apresentou o segundo teste positivo para a doença. Quatro dias depois, foi a vez da duquesa da Cornualha, Camilla Parker Bowles, mulher do filho da rainha, também comunicar que foi infectada pelo coronavírus.

A rainha Elizabeth já estava sendo monitorada desde a semana passada, pois encontrou Charles dois dias antes do diagnóstico positivo do herdeiro. Funcionários da família real também positivaram para a doença.

A saúde da rainha está sob os holofotes desde que ela passou uma noite no hospital em outubro do ano passado por uma doença não divulgada e, depois, foi aconselhada por seus médicos a descansar.

Na última quarta-feira (16), Elizabeth até brincou com membros da família real porque não conseguia ter muitas atividades desde o encontro com Charles.

Elizabeth é viúva, seu marido, o príncipe Philip morreu aos 99 anos em abril do ano passado, no Reino Unido. Ele completaria 100 anos em junho de 2021. O duque de Edimburgo havia sido internado após se sentir mal e passou por uma cirurgia cardíaca dois meses antes de sua morte.

Os casos de Covid-19 no Reino Unido também tiveram um aumento significativo nas últimas semanas de 2021 e nas primeiras de 2022, principalmente por causa da variante ômicron.


Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.