Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

FIM DA LINHA

BBB20: Intimado pela polícia, Petrix Barbosa terá que deixar o reality show

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Petrix com expressão preocupada em conversa com as mulheres do BBB20

Petrix em conversa com as mulheres do BBB20 após ser alertado sobre seus exageros nas festas

VINÍCIUS ANDRADE

Publicado em 3/2/2020 - 18h19

Policiais da Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM) do Rio de Janeiro foram à Globo nesta segunda-feira (3) para intimar Petrix Barbosa a depor sobre os casos de importunação sexual contra mulheres do BBB20. O ginasta, que está no paredão nesta semana, deve prestar depoimento na sexta-feira (7). Ele virou alvo de campanhas pedindo sua expulsão do reality.

"A Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) de Jacarepaguá entregou a intimação ao jurídico da TV Globo nesta segunda-feira (3). O depoimento está marcado para a sexta-feira (7)", informa a Polícia Civil do Rio de Janeiro ao Notícias da TV.

Como o ginasta está no paredão e é o favorito para sair do confinamento, pode não ser necessária a sua expulsão. A informação sobre a intimação foi publicada em primeira mão pelo site Hugo Gloss.

Na semana passada, a Globo avisou os telespectadores que Petrix Barbosa foi "chamado ao confessionário e advertido" por seus comportamentos recentes nas últimas festas do BBB20. Tiago Leifert fez esse comunicado após um dos VTs exibidos nesta quinta (30) mostrar o ginasta entrando no cabine de votação pouco antes das 19h.

A bronca que ele teria levado, no entanto, não foi ao ar e revoltou internautas que acompanham o reality. No pay-per-view, foi possível acompanhar que, ao sair do confessionário, o brother permaneceu calado por alguns minutos e se recolheu no quarto.

Em seguida, foi para a área externa da casa e começou a pedir desculpas por possíveis exageros cometidos contra a influenciadora digital Bianca Andrade e a cantora Flayslane Raiane. Os pedidos de desculpas foram mostrados pela Globo.

Na noite de quarta (29), Petrix esfregou suas partes íntimas na cantora, além de passar a mão nos seios da ex-panicat Mari Gonzalez. Na semana anterior, Petrix apalpou os seios de Boca Rosa. Todos os casos provocaram revolta dos internautas, que identificaram assédio nas situações.

No entanto, Bianca Andrade não viu nada de errado na atitude do ginasta e reforçou o discurso. "No dia que eu tava muito, muito louca, me perguntaram se eu tinha sentido [as mãos dele em seus seios]. Eu falei 'não, a gente é amigo'. (...) Zero me senti ofendida, zero. A verdade é, eu nunca vou me sentir ofendida. O que pode acontecer é, amigo, vamos fazer menos", disse a influenciadora.

"Mas tem coisas que qualquer pessoa pode fazer, que aí meu, é absurdo. Existem coisas que fazem que é absurdo", falou o ginasta. "Tá, mas se você fizer alguma coisa absurda, eu vou te falar, mas não é (o caso)", respondeu Boca Rosa.

Flayslane também defendeu o ginasta, associando possíveis interpretações negativas do público ao consumo excessivo de álcool na festa. "O máximo que as pessoas podem pensar é 'uau, tomaram uma cachaça muito braba'", comentou.

"Que pensem qualquer coisa. O que mais me importa é você não se sentir ofendida por, de repente, alguma coisa que eu fiz para você como mulher", disse Petrix. "Não, gente! Mas eu acho que condenar uma pessoa por pouca coisa é demais", respondeu a cantora.

Últimas de BBB20

Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.