Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

PÂNICO

Teto da sede da Record no Rio desaba e deixa funcionário ferido

REPRODUÇÃO/TWITTER

Carro da equipe do Corpo de Bombeiros em frente à sede da Record no Rio de Janeiro

Carro da equipe do Corpo de Bombeiros em frente à sede da Record no Rio de Janeiro

GABRIEL PERLINE e ANDRÉ CARLOS ZORZI

gabriel.perline@noticiasdatv.com

Publicado em 16/4/2021 - 22h53
Atualizado em 17/4/2021 - 9h33

Parte do teto da sede da Record no Rio de Janeiro desabou na noite de sexta-feira (16), causando pânico nas dependências da emissora. Alguns funcionários foram atingidos pelos escombros e três deles se machucaram. A assessoria de imprensa da emissora afirma que todos estão bem e não há casos graves.

No entanto, fontes do Notícias da TV afirmam que um editor de texto do Jornal da Record, que se chama Alex Cunha e tem 45 anos, ficou seriamente ferido na mão e está internado no Hospital das Clínicas de Jacarepaguá (zona oeste do Rio de Janeiro). Ele precisará fazer uma cirurgia na mão esquerda. Cunha foi o último a sair da Redação quando o teto desabou.

"A Record TV Rio informa que nesta sexta-feira, 16 de abril, uma parte do forro dos estúdios desabou. Todos os colaboradores foram retirados em segurança e socorridos. Não houve registro de feridos graves. É importante esclarecer que a estrutura foi reformada há pouco tempo devido a uma forte chuva no Rio de Janeiro. Garantida a segurança dos colaboradores, vamos, agora, apurar eventuais danos estruturais para recuperar o local", disse a emissora em nota.

Ao Notícias da TV, o sargento Torres, do Corpo de Bombeiros, informou que um homem foi atendido no local e liberado logo em seguida, por apresentar apenas ferimentos leves na mão.

"Fomos chamados por volta das 21h15 para verificar um desabamento na estrada dos Bandeirantes, altura do número 23.525. Eu não sei ainda a situação do local em relação ao desabamento, se foi parte do teto, telhado, se era de gesso, se era de alvenaria", informou Torres.

"A Defesa Civil municipal foi chamada para avaliação do local junto com seus técnicos para saber se o local vai ser interditado ou não", concluiu.

O Corpo de Bombeiros informou na manhã deste sábado (17) os nomes de mais duas vítimas do acidente. Thiago Domingues, de 23 anos, teve ferimentos leves e não quis ser atendido no hospital. Já Jefferson Menezes, de 33 anos, foi encaminhado ao Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca (zona oeste do Rio de Janeiro). Ainda não há informações sobre o seu estado de saúde. 

A área que teve o teto desabado é a que compreende parte da Redação e dos estúdios do Jornalismo da emissora, onde são apresentados programas como o Balanço Geral e o Cidade Alerta.

À reportagem, a Record informou por telefone que todos os funcionários estão bem e não correm nenhum risco, e que apenas um se machucou com o desabamento do teto, mas não apresenta ferimentos graves.

No entanto, alguns profissionais da emissora estão revoltados com as informações que foram passadas pela emissora oficialmente, já que o editor Alex Cunha ficou no hospital apenas na companhia de outros colegas após se machucar, e a empresa não enviou ninguém do Recursos Humanos para dar a devida assistência. Cunha também foi repórter da TV Globo em Pernambuco, São Paulo e Rio.

A emissora ainda afirmou que eventuais danos ao espaço serão apurados e explicou que a estrutura do local já havia sido reformada há pouco tempo em decorrência de uma forte chuva. 


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e confira o nosso boletim diário com os principais destaques do dia


Leia também

Web Stories

+
De violência doméstica a desemprego: Como está o elenco de Roque SanteiroDe Fernanda Montenegro a Sônia Braga: Cinco atrizes que entraram para a históriaDe série com Liniker a nova temporada de Elite: Confira os lançamentos da semanaBastidores de O Diabo Veste Prada tiveram atriz deprimida e look vetado, saiba maisJuliette, Zico e Anitta: Sete celebridades que viraram tatuagens de fãs

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou de ver Tiago Leifert no comando da Super Dança dos Famosos?