'NÃO É NÃO'

Simony desabafa sobre assédio de Dudu Camargo ao vivo na RedeTV!: 'Palhaçada'

Reprodução/RedeTV!

Simony foi agarrada por Dudu Camargo no Sambódromo do Anhembi; Nelson Rubens teve de intervir

Simony foi agarrada por Dudu Camargo no Sambódromo do Anhembi; Nelson Rubens teve de intervir

REDAÇÃO - Publicado em 22/02/2020, às 17h14 - Atualizado às 17h39

A cantora Simony se pronunciou no fim da tarde deste sábado (22) sobre o assédio que sofreu de Dudu Camargo ao vivo, na madrugada, durante o programa Bastidores do Carnaval, da RedeTV!. "Se fizesse comigo em qualquer outro lugar, teria levado uma porrada na cara. Meu corpo minhas regras. Não é não. Chega dessa palhaçada!", escreveu.

"Nós mulheres temos o direito de usar e abusar de decotes e roupas curtas. Isso não dá o direito de virem passando a mão. Me senti sim constrangida em meu primeiro dia de trabalho. Tenho 38 anos de carreira e gostaria de ser respeitada principalmente como filha, como mãe e como mulher", desabafou a artista em uma publicação em seu Instagram.

"Fiquei sem reação e chocada. Agradeço muito todos vocês que se solidarizaram comigo", finalizou a cantora, que pretendia se pronunciar ao vivo durante o Bastidores do Carnaval da noite deste sábado, mas acabou se adiantando pelas redes sociais. Ela também apagou um Stories que tinha feito no qual aparecia entrevistando Dudu.

Minutos depois, ela deletou a primeira reclamação e fez outras duas publicações, nas quais desabafou ainda mais: "Por mais 'permissiva' e brincalhona que possa sugerir ser uma transmissão de bastidores do Carnaval, me senti mal, me vi vulnerável em uma situação desagradável", contou ela.

"Aqui não falo somente por mim, mas por outras mulheres que não somente nesse período mas todos os dias se deparam com episódios em que um homem se vê no direito de passar a mão, fazer 'brincadeiras' de mau gosto e em último grau forçá-las a algo que não querem", continuou a artista.

"Eu poderia achar que o que Dudu Camargo fez foi apenas “brincadeirinha” mas sinceramente me senti mal em não poder dizer ali o que eu achei da cena. Ele passa a mão em mim como se estivesse apalpando um pedaço de carne, me puxa o pescoço e fala que está querendo 'procriar', oi?", questionou.

"Ali estava claro que a 'brincadeira' de Dudu era sexualizada, queria mostrar-se como 'macho' afim de satisfazer sua vontade sem pedir, sem perguntar, sem pensar que além dele existia ali a minha vontade. Com todo o respeito ao Nelson Rubens, pessoa que admiro, também não gostei de ser 'disponibilizada' por estar solteira como se estivesse a espera de alguém a qualquer momento."

Confira as novas publicações de Simony sobre o assédio que sofreu ao vivo:

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

O meu carnaval mal começou e hoje, ao chegar em casa , me deparei com o descontentamento do meu filho e de boa parcela do público que se mostrou indignado com o fato de um homem ter passado a mão no meu peito em cadeia nacional. Eu estava ao Vivo na Rede Tv, realizando meu trabalho ao lado de colegas da profissão e por mais “permissiva” e brincalhona que possa sugerir ser uma transmissão de bastidores do carnaval, me senti mal, me vi vulnerável em uma situação desagradável que eu gostaria de dividir com vocês como mulher e mãe. Aqui não falo somente por mim mas por outras mulheres que não somente nesse período mas todos os dias se deparam com episódios em que um homem se vê no direito de passar a mão, fazer “brincadeiras” de mal gosto e em ultimo grau forçá-las a algo que não querem. Eu poderia achar que o que Dudu Camargo fez foi apenas “brincadeirinha” mas sinceramente me senti mal em não poder dizer ali o que eu achei da cena. Ele passa a mão em mim como se estivesse apalpando um pedaço de carne, me puxa o pescoço e fala que está querendo “procriar”, oi?. Ali estava claro que a “brincadeira”de Dudu era sexualizada, queria mostrar-se como “macho” afim de satisfazer sua vontade sem pedir, sem perguntar, sem pensar que além dele existia ali a minha vontade. Com todo o respeito ao Nelson Rubens, pessoa que admiro, também não gostei de ser “disponibilizada” por estar solteira como se estivesse a espera de alguém a qualquer momento. A mulher é e está como e com quem ela bem entender, o fato de usar um decote e uma roupa curta e decotada não quer dizer que quer ser possuída ou agarrada por um homem, chegamos a um tempo em que é necessário evoluir e entender de uma vez por todas que o direito a vontade de um acaba onde começa o do outro. Mulheres não existem para procriarem ou serem assediadas por homens e agarradas ao bel prazer. A cada carnaval o assunto do assédio deve ser levado mais a sério, o “não é não” precisa ser entendido como um código a ser respeitado, as delegacias de mulheres precisam estar por toda parte. Se continuarmos achando normal esse tipo de coisa não precisaríamos ter vagões de metrô só para mulheres. Peço respeito a todas as mulheres que

Uma publicação compartilhada por Simony (@simonycantora) em

O assédio de Dudu Camargo

Internautas e a própria equipe do programa da RedeTV! criticaram as atitudes de Dudu. O apresentador do Primeiro Impacto, do SBT, passou do ponto ao ser entrevistado pela ex-Balão Mágico e por Nelson Rubens: agarrou a cantora, disse que queria fazer um filho com ela, ficou passando a mão em sua roupa, encostou nos seios da artista e tentou avançar o sinal após um selinho.

Simony ficou visivelmente incomodada. Antes de começar a dar em cima da cantora, o funcionário do SBT avisou que estava descansando no hotel, quando viu o link da RedeTV! e decidiu descer para participar do Bastidores.

"Eu estava no quarto do hotel, vi esse barulho e cheguei até de pijama", falou Dudu, antes de abrir o zíper da blusa e ficar sem camisa durante alguns segundos. "Aliás, Simony, esse vestido está um espetáculo. É azul, que nem da RedeTV!", observou o apresentador, enquanto passava a mão na roupa dela.

Nelson Rubens, então, questionou o funcionário do SBT se ele aceitaria voar no Balão Mágico com a cantora. Dudu respondeu que sim e o trio começou a interagir de forma bem-humorada, inclusive eles dançaram um dos hits do Carnaval 2020, a música Tudo OK.

Na sequência, eles entraram no assunto "selinho", e o apresentador do Primeiro Impacto começou a agarrar Simony. Ela pediu: "Calma, não aperta muito". Nesse momento, Nelson Rubens precisou dar um puxão para afastar Camargo.

"Você dá selinho em todo mundo", falou a cantora, enquanto o jovem passava a mão em seu vestido. Nesse momento, Dudu chegou a encostar nos seios dela. "Sai daqui! Mas, gente, esse Dudu é abusado". "Isso é assédio", gritou Flávia Noronha no estúdio. Ele voltou a se agarrar na cintura de Simony e Nelson Rubens o puxou novamente pelo braço.

"Você está solteira, eu também tô. A gente é do mesmo tamanho, Simony. Olha, eu estou querendo fazer um filho, estou querendo procriar", disse o funcionário do SBT. "Desculpa, eu já tenho quatro filhos, vai procurar outra. Eu já sou operada, não quero mais saber de filho", rebateu ela. "Vamos fazer mais um, a gente tenta!", sugeriu Dudu.

Nelson Rubens tirou o microfone da mão de Dudu. "Eu já percebi que você não é de ficar falando, você é de ação. Vamos ver como seria um selinho dos dois", pediu o veterano. O comandante do Primeiro Impacto segurou o rosto de Simony com as duas mãos. Mesmo com a expressão fechada, ela aceitou dar o selinho. Ao encostar os lábios, ele tentou avançar, mas a cantora impediu. Assista ao vídeo completo:

"É só selinho e ele quer ficar pegando na gente, segurando o pescoço", reclamou Simony, que voltou a ser agarrada por ele. "Não tem que pegar nada. Sai pra lá, Dudu", pediu a ex-Balão Mágico.

Depois que o apresentador o Primeiro Impacto deixou o link, o influenciador Thiago Pasqualotto, responsável por fazer a interação com as redes sociais, repudiou o que havia acontecido. "Minha solidariedade para a Simony. Mete um safanão na cara do Dudu Camargo, ninguém é obrigada a aguentar isso. Vai fazer isso lá no seu Primeiro Impacto, Dudu", disse.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual reprise da Globo você mais quer ver?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook