'ÚLTIMO AMOR'

Record veta noiva de Marcelo Rezende em especial de um ano de morte

LEO FRANCO/AGNEWS

Geraldo Luis abraça Luciana Lacerda no enterro de Marcelo Rezende, em setembro de 2017 - LEO FRANCO/AGNEWS

Geraldo Luis abraça Luciana Lacerda no enterro de Marcelo Rezende, em setembro de 2017

DANIEL CASTRO e GABRIEL SOUZA - Publicado em 24/08/2018, às 05h51

Para evitar conflito com os filhos de Marcelo Rezende, a Record vetou a cabeleireira Luciana Lacerda nos especiais que irão lembrar o primeiro ano de morte do jornalista. Por causa de sua amizade com Luciana, Geraldo Luis quase ficou de fora do programa, que será apresentado por Diego Esteves, um dos cinco herdeiros de Rezende.

Luciana foi a última namorada do mais marcante apresentador do Cidade Alerta, de quem chegou a ficar noiva. Duas semanas depois da morte do jornalista, ela deu entrevista ao programa A Tarde É Sua, da RedeTV!, em que manifestou ter sido maltratada pelos filhos de Rezende. Relatou que chegaram a trocar a fechadura da casa do pai, em Alphaville (Grande São Paulo), para ela não entrar.

Poucos dias depois, os filhos de Rezende se defenderam, dessa vez no Conexão Repórter, de Roberto Cabrini, no SBT. "Não existe briga nenhuma, isso é um boato que eu não sei de onde saiu. Eu conversei com ela no velório e não tem briga nenhuma", afirmou Diego.

Sua irmã Patrícia, no entanto, não foi tão cordial com Luciana: "Meu pai era uma pessoa que não ficava sozinha, ele sempre precisava ter uma mulher do lado".

A Record confirma que a mulher que esteve ao lado de Marcelo Rezende em seus útimos meses de vida não fará parte do especial, que irá ao ar no próximo dia 13. Mas a emissora nega que tenha sequer cogitado não convidar Geraldo Luis, que se tornou um dos principais amigos de Rezende em seus últimos anos.

O Notícias da TV apurou que houve, sim, essa possibilidade. Profissionais da Record ficaram apreensivos com a presença do titular do Domingo Show no especial. Temiam que os filhos de Rezende, principalmente Diego, o vetassem, criando um desconforto ainda maior.

Geraldo gravou seu depoimento no início desta semana. Além dele, o programa a ser comandado por Diego Esteves, que vive e trabalha na Argentina, terá o comandante Hamilton Alves da Rocha e José Silva, irmão adotivo de Rezende.

"Um homem maravilhoso"
Ao Notícias da TV, Luciana Lacerda confirma que não foi procurada pela Record para participar das homenagens ao ex-titular do Cidade Alerta. Conta que descobriu sobre o especial ao ser alertada por internautas que a acompanham nas redes sociais.

Luciana Lacerda, Marcelo Rezende e Geraldo Luis em imagem divulgada no Instagram do ex-apresentador do Cidade Alerta (Foto: Reprodução)

Ela acredita que sua exclusão pode ter sido provocada justamente por influência dos filhos de Marcelo Rezende, que se afastaram dela após a morte do apresentador.

Se tivesse sido convidada pela emissora, Luciana falaria que "Marcelo era um homem maravilhoso que faz uma falta danada". "Ele era um companheiro de verdade, parceiro", lembra, emocionada.

Quase um ano após a morte, Luciana começa a reconstruir sua vida. Ela está de volta ao mercado de trabalho graças a um curso de estética capilar que Geraldo Luis lhe deu de presente.

Do esporte ao Cidade Alerta
Conhecido por sua atuação em programas policiais, como o Cidade Alerta e o Linha Direta, Marcelo Rezende (1951-2017) começou sua carreira jornalística em uma área bem diferente: o esporte. Na década de 1960, quando foi visitar o primo na Redação do Jornal dos Sports, no Rio de Janeiro, acabou conseguindo uma vaga de redator na publicação.

Entrou na TV Globo em 1987, ainda na editoria de esportes. Migrou para as reportagens policiais pouco tempo depois. Ganhou destaque com a série sobre a violência de PMs na Favela Naval, de Diadema, em março de 1997. Pelo especial do Jornal Nacional, recebeu o Prêmio Libero Badaró de jornalismo.

Em 1999, começou a apresentar o Linha Direta, que recriava casos policiais. Em agosto de 2000, deixou o comando do programa da Globo e iniciou uma etapa de migração de emissoras: passou por RedeTV!, Record, voltou para a RedeTV!, foi para a Band e retornou para a Record em 2010.

Seu último trabalho foi a ancoragem do Cidade Alerta, entre junho de 2012 e maio de 2017. Foi o responsável por dar um toque mais leve e engraçado para o policialesco, criando bordões como "Corta pra mim", dando apelidos para os repórteres do telejornal e brincando com Percival de Souza, comentarista de segurança pública.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual sua novela preferida atualmente?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook