Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

GILBERTO RIBEIRO

Record demite apresentador que posou de sunga na praia e volta atrás

REPRODUÇÃO/RECORD

Gilberto Ribeiro no comando do Balanço Geral Curitiba, na sexta (26); apresentador foi demitido, mas emissora voltou atrás - REPRODUÇÃO/RECORD

Gilberto Ribeiro no comando do Balanço Geral Curitiba, na sexta (26); apresentador foi demitido, mas emissora voltou atrás

GABRIEL PERLINE

Publicado em 27/4/2019 - 7h07
Atualizado em 27/4/2019 - 11h53

Gilberto Ribeiro, apresentador do Balanço Geral Curitiba, foi demitido da RIC TV, afiliada da Record no Paraná, após viralizar nas redes sociais com fotos de sunga na praia e na piscina, valorizando seus atributos físicos. Indiscretas, as imagens foram motivos de piada, e a matriz de São Paulo não gostou do que viu. Após entregar a carta de desligamento, no entanto, a emissora paranaense voltou atrás e optou por mantê-lo em seu elenco.

O apresentador de 53 anos, havia renovado seu contrato com em outubro de 2018, quando se reelegeu deputado estadual pelo PP. No último dia 18, no entanto, o presidente da RIC TV, Leonardo Petrelli Neto, enviou uma notificação comunicando seu desligamento.

No aviso, consta que ele deverá cumprir suas atividades por mais 30 dias, ou seja, apresentará o Balanço Geral até o dia 17 de maio, uma sexta-feira. Nessa data, a emissora concluiria o desligamento e efetuaria o pagamento de seus honorários.

À reportagem, a assessoria de imprensa da RIC TV disse que Gilberto Ribeiro deixará o comando do Balanço Geral, e que negocia com ele a possibilidade de comandar um novo telejornal.

"O comunicador Gilberto Ribeiro não seguirá no comando do programa do horário do almoço, sendo que estão sendo estudadas e negociadas com ele outras alternativas de projetos em outros horários", disse, em nota.

Na carta de desligamento de Gilberto, a RIC TV não especificou os motivos de sua saída, mas o Notícias da TV apurou que o comportamento do apresentador nas redes sociais havia impactado a matriz da Record, em São Paulo. As fotos que vinha publicando foram consideradas impróprias para um apresentador que precisa passar credibilidade ao público.

Gilberto Ribeiro na praia (Foto: Reprodução/Instagram)

Exibicionismo

Adepto da musculação, Gilberto Ribeiro gosta de exibir os resultados de seus esforços em fotos com poucas roupas. As imagens que culminaram em sua demissão, no entanto, são as em que aparece na praia ou na piscina, usando sunga.

O volume excessivo na peça de roupa acabou viralizando durante o período de campanha eleitoral em 2018, quando Gilberto se afastou da RIC TV para disputar a reeleição à Assembléia do Paraná. Na ocasião, Ribeiro foi orientado a deletar as fotos indiscretas de sua rede social.

Outro fator que pesou em sua demissão tem sido as péssimas audiências registradas no Balanço Geral, ficando sempre em terceiro lugar, atrás de Globo e SBT.

Confira a íntegra da carta de demissão do apresentador Gilberto Ribeiro, entregue a ele no dia 18 de abril:

Senhores,

Carta de demissão entregue a Gilberto Ribeiro

Não mais tenho interesse na continuidade da execução do contrato que celebramos com V.Sas. a 06.10.2018 para a apresentação do programa Balanço Geral, em cumprimento ao disposto no inciso 2.3.1, cláusula segunda, daquele instrumento, vimos comunicá-lo que estamos denunciando o contrato celebrado, o que acontecerá dentro de trinta dias contados do recebimento desta.

Naquela data também faremos o acerto final de nossas obrigações para com sua empresa.

Relembramos que, também concorde com os enunciados dos incisos 2.3.1.1 e 2.3.1.2 da mesma cláusula segunda, o Interveniente Anuente, apresentador Sr. Gilberto Ribeiro, não poderá ceder a terceiros o uso de sua imagem e voz em programas de televisão nos noventa dias à data desta notificação.

Agradecemos a colaboração que nos foi dada e solicitamos que queiram confirmar o recebimento deste na segunda via anexa.

Com cordialidade,

Leonardo Petrelli Neto, presidente.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?