ENTREVISTA

Pró-Bolsonaro, Alexandre Garcia revela se políticos pediram sua cabeça na Globo

Reprodução/YouTube

O ex-jornalista da Globo Alexandre Garcia em entrevista para o canal do YouTube de Marcelo Bonfá - Reprodução/YouTube

O ex-jornalista da Globo Alexandre Garcia em entrevista para o canal do YouTube de Marcelo Bonfá

REDAÇÃO - Publicado em 19/08/2019, às 17h12

Fora da TV desde o fim de 2018, quando anunciou sua saída da Globo, Alexandre Garcia nunca escondeu seu posicionamento político. Alinhado à direita, ele chegou a ser cogitado como um possível ministro da Comunicação de Jair Bolsonaro. O jornalista nega, porém, que suas declarações incisivas tenham custado sua cabeça na emissora da família Marinho.

"Não sei [se pediram minha cabeça], não fiquei sabendo. O Orestes Quércia [1938-2010] uma vez me disse que se queixou de mim para o doutor Roberto Marinho [1904-2003], pro Roberto Irineu, pro João Roberto. E eu respondi: 'Engraçado, eu não fiquei sabendo'. Ele ficou sem graça. Mas, se de fato se queixou, e ele disse que sim, eu não fiquei sabendo mesmo", conta o ex-comentarista político do Bom Dia Brasil.

Em entrevista publicada nesta segunda-feira (19) no Pingue-Pongue com Bonfá, canal que o jornalista Marcelo Bonfá mantém no YouTube, Garcia também ressalta que sempre teve total liberdade para se expressar na Globo. 

"Eu nunca recebi nenhuma [advertência]... Lembro de uma ocasião que o João Roberto Marinho me disse: 'Olha, eu sou seu fã, concordo com tudo o que você diz. E, se eu não concordasse, isso não teria importância'", fala ele na conversa.

O ex-âncora lembra ainda de uma conversa que teve com Roberto Marinho. "Ele um dia me perguntou: 'Garcia, os políticos não se queixam do que você diz?'. E eu falei: 'Doutor Roberto, se eles se queixassem o senhor seria o primeiro a saber, não eu'. Nunca houve nenhum tipo de sugestão, 'diga isso', 'não diga aquilo", ressalta.

Rumo à CNN Brasil?

Na conversa com Bonfá, Alexandre Garcia diz que está cansado da TV --desde que deixou a Globo, ele tem investido em um canal no YouTube, no qual já conta com 735 mil inscritos e mais de 26 milhões de visualizações.

"Não [pretendo voltar]. Foi uma etapa que passou, e eu estou muito feliz agora. Por que eu vou abrir mão de alguma coisa que está me dando muita satisfação nessa altura da vida? Ano que vem eu completo 80 anos. E estou muito feliz, não estou aposentado, não estou de cabeça baixa, não. Estou vendo coisas novas, fazendo novas amizades... Dos velhos amigos a gente já conhece o papo, né?", brinca.

Garcia confirma, porém, que a CNN Brasil pode estar no seu futuro. "O canal chegou a me procurar, fez um convite. Mas eu tenho um contrato com a Globo, há [um período de] quarentena que é absolutamente normal. Com isso, me dá tempo de ver como estou me sentindo. Será que vou ficar infeliz com o YouTube? Por enquanto, está me dando satisfação, daqui a pouco vou receber a placa de ouro de 1 milhão [de inscritos], a de prata [de 100 mil] já está na parede do meu escritório."

O jornalista de 78 anos, porém, confirma que está mais tentado a não voltar para a televisão. "Eu tenho um período, digamos, legal para pensar. Então eu vou pensar. As pessoas me escrevem, cobram. 'Ah, você devia ir pra CNN'. Está bom, obrigado, acho que a pessoa está bem intencionada. Elas esperam que eu volte para a TV, mas eu não espero voltar (risos)", desconversa.

Confira a entrevista completa de Alexandre Garcia a Marcelo Bonfá:

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você gostou de Órfãos da Terra?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook