Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

ATAQUES VIRTUAIS

Por que Maju Coutinho e a Globo foram acusadas de fake news por Bolsonaro?

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

A âncora Maju Coutinho no comando da edição de segunda-feira (25) do Jornal Hoje

Maju Coutinho e a Globo foram acusados pelo presidente Jair Bolsonaro de terem mentido no Jornal Hoje

VINÍCIUS ANDRADE

vinicius@noticiasdatv.com

Publicado em 25/8/2020 - 16h54

Crítico da Globo, Jair Bolsonaro compartilhou um vídeo em suas redes sociais com um trecho do Jornal Hoje de segunda-feira (24). No telejornal, Maju Coutinho disse que o presidente e as autoridades do governo não prestaram solidariedade às mais de 115 mil vítimas do novo coronavírus no país, durante um evento sobre o combate à Covid. Segundo o político, a emissora mentiu. A publicação de Bolsonaro despertou a ira de seus apoiadores, que passaram a atacar a âncora do telejornal.

Para defender o argumento de fake news, o presidente mostrou no vídeo que, durante o evento Brasil Vencendo a Covid, a médica Raissa Soares pediu um minuto de silêncio em respeito às vítimas fatais da doença. Todas as pessoas presentes, inclusive Bolsonaro, respeitaram o momento. A médica, no entanto, não faz parte do governo federal.

Os bolsonaristas criaram a hashtag #MajuMentirosa para ofender a jornalista da Globo. A repercussão foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter após o próprio Bolsonaro, xingado por Datena, fazer uma postagem criticando a declaração da jornalista.

Nesta terça-feira (25), após as críticas dos apoiadores do presidente, Maju Coutinho leu um esclarecimento da Globo durante o Jornal Hoje. Veja abaixo:

"Agora, deixa eu fazer um esclarecimento. Ontem (24), o JH anunciou que durante o evento Brasil vencendo a Covid nem o presidente Jair Bolsonaro nem nenhuma autoridade do governo prestou solidariedade às vítimas. Mas uma médica da Bahia, doutora Raissa Soares, que não faz parte do governo, pediu um minuto de silêncio e o pedido foi respeito por todos os presentes, inclusive pelo presidente. Fica aqui o esclarecimento", explicou Maju.

Confira abaixo o vídeo compartilhado por Jair Bolsonaro na segunda-feira (24):

Apesar das críticas que recebeu dos bolsonaristas, a âncora do Jornal Hoje também foi apoiada nas redes sociais. "Maju Coutinho não mentiu. O Brasil registrou 115.309 mortes e mais de 3 milhões de pessoas já foram infectadas, isso ocorreu por pura incompetência do governo atual. Esse cara [Bolsonaro] jura que 1 minuto de silêncio é prestar solidariedade. Que piada...", opinou a usuária @tequilawn no Twitter.

Veja o vídeo com o esclarecimento da Globo abaixo:


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?