SE JOGA

Por chance como apresentadora, Fabiana Karla pediu para ser nova Ana Furtado

Victor Pollak/TV Globo

A atriz Fabiana Karla em frente ao cenário do Se Joga, novo programa da Globo

Fabiana Karla comandará o Se Joga a partir do dia 30 ao lado de Érico Brás e Fernanda Gentil

DANIEL FARAD, do Rio de Janeiro - Publicado em 25/09/2019, às 05h08

Fabiana Karla não teve vergonha de correr atrás de sua primeira oportunidade como apresentadora. A atriz pediu uma chance na Globo para começar cobrindo férias de colegas, mas acabará estreando no cargo já como titular. A partir do dia 30, comandará o Se Joga, novo vespertino da emissora, ao lado dos colegas Fernanda Gentil e Érico Brás.

A artista expressou o desejo pela primeira vez durante uma participação no É de Casa. A um dos diretores, sugeriu o seu nome para substituir os apresentadores durante suas folgas, a exemplo do que faz Ana Furtado. Mesmo no comando da atração das manhãs de sábado, a mulher de Boninho é considerada a substituta oficial do Entretenimento da emissora.

Deu certo. "Enquanto a gente dorme, Deus trabalha. Alguém me ouviu e quis testar as minhas habilidades como comunicadora", revela ao Notícias da TV.

A vontade de trabalhar na área, inclusive, é antiga. "Sempre gostei de me comunicar. Até fazia vergonha de tanto que me metia quando participava do programa dos outros", afirma, sem medo de enfrentar de cara uma atração ao vivo.

"Dá um frio na barriga, mas depois de cantar no Popstar, qualquer coisa fica fácil", relembra ela, que participou da primeira temporada do talent show, justamente ao lado de Érico, em 2017.

Fabiana jura que não teme pagar um eventual mico já na estreia. "A gente disputa para ver quem será o primeiro a virar meme, e tenho certeza que serei eu", aposta.

Ela também não se preocupa com a forte concorrência no início das tardes, horário em que Balanço Geral, da Record, costuma bater de frente com a programação da Globo. "Sempre joguei basquete, vôlei e handebol. Não tem quem diga, mas competição é comigo mesma", dispara.

O trunfo na guerra pela audiência, para ela, é o fato de o Se Joga contar com uma trinca de apresentadores que representa a diversidade brasileira. "As pessoas vão se sentir abraçadas, somos três pessoas que são a cara do Brasil. Nós temos muitos lugares de fala e ficarei feliz se alguém se sentir representada por mim no Se Joga."

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual reprise da Globo você mais quer ver?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook