Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

EXPERIÊNCIA EM BAIXA

Para cortar salário alto, Globo demite repórter Isabela Assumpção após 41 anos

DIVULGAÇÃO/TV GLOBO

Isabela Assumpção com uma camisa roxa e cachecol roxo, sorrindo em uma foto de divulgação em um fundo azul

Isabela Assumpção: repórter especial de 72 anos e com 41 anos de Globo foi demitida da emissora

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 29/11/2021 - 12h23

A Globo demitiu na última sexta-feira (26) a repórter especial Isabela Assumpção, de 72 anos. A jornalista tinha 41 anos de emissora e atuava prioritariamente no Globo Repórter. A demissão ocorreu por conta do alto salário que Isabela tinha. Nas últimas semanas, outros nomes experientes foram dispensados pelo mesmo motivo.

A informação foi confirmada pelo Notícias da TV. Em texto enviado para colegas de redação, cujo conteúdo a reportagem teve acesso, Isabela disse que sua saída da Globo foi sacramentada por telefone. O relato chocou e entristeceu os antigos colegas.

Segundo apurou a coluna, Isabela foi cortada devido ao alto salário que era pago mensalmente a ela. A Globo tem feito cortes neste sentido nos últimos meses, para otimizar os custos. Além dela, recentemente foram dispensados da empresa nomes como Alberto Gaspar, Ari Peixoto, José Hamilton Ribeiro, Eduardo Faustini, Alexandre Oliveira e Linhares Júnior.

"Hoje, sexta-feira, fui demitida, depois de 41 anos de emissora. Demitida por telefone. Assim, sem mais. Foi duro, está sendo duro. Eu gostava do que fazia. Mas nesse gostar havia muito da parceria com vocês. Uns amigos antigos, outros, mais recentes. Mas pra mim a dupla que formei, com cada um de vocês, foi além da soma texto/imagem", disse ela em seu relato de despedida.

"Foi parceria, trabalho com prazer, dupla dinâmica, Chitãozinho e Xororó. E assim enfrentamos rios e montanhas, bandidos e mocinhos, deuses e diabos", completou. A reportagem apurou que Isabela recebeu apoio e mensagens das apresentadoras do Globo Repórter, Sandra Annenberg e Glória Maria. 

Isabela Assumpção nasceu em 1º de abril de 1949 na cidade de São Paulo (SP) e começou a trabalhar com jornalismo na sucursal paulista do jornal O Globo. Em 1978, foi trabalhar no escritório do Rio de Janeiro do jornal, onde passou a cobrir sua especialidade: questões ligadas a direitos humanos.

Por seu destaque no jornalismo impresso, recebeu convite para atuar na TV Globo em 1980, onde estava desde então. Entre os grandes fatos que cobriu, estão o Massacre do Carandiru, que ocorreu em 1992. Isabela Assumpção também ganhou o prêmio Vladimir Herzog com a matéria Pais que Sequestram, exibida pelo Globo Repórter em 1998.

Nos últimos anos, a profissional passou a atuar somente no jornalístico exibido nas noites de sexta pela Globo. Ela deixou de fazer algo mais ligado ao factual e apresentou reportagens sobre estilo de vida do brasileiro em seu dia a dia.


Leia também

Enquete

Com quem Irma merece ficar em Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.