Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Estreia hoje

Novo talk show traz temas escabrosos e vídeo pornô para mães

Edu Viana/Multishow

Murilo Gun, Bento Ribeiro, Didi Wagner, Bruna Louise e Paulinho Serra comandam o programa - Edu Viana/Multishow

Murilo Gun, Bento Ribeiro, Didi Wagner, Bruna Louise e Paulinho Serra comandam o programa

MÁRCIA PEREIRA

Publicado em 7/4/2016 - 5h14

Um pergunta pode levar a várias respostas, passando por caminhos divertidos e inusitados. Essa é a proposta do novo programa do Multishow, A Pergunta Que Não Quer Calar. A atração eleva a temperatura do canal, que em geral exibe humor leve e para todas as idades. Com convidados sabatinados por cinco apresentadores, a produção se aventura por temas escabrosos. Vale até colocar mães para assistir a vídeos pornográficos e registrar suas reações escandalizadas.  

A Pergunta Que Não Quer Calar estreia nesta quinta-feira (7), às 23h30, abrindo um novo horário de talk show no canal. Vinte episódios serão exibidos de segunda a sexta-feira, sob o comando de Didi Wagner, Bento Ribeiro, Bruna Louise, Murilo Gun e Paulinho Serra. O Multishow também estreia outros dois programas hoje, o Multi Tom e a segunda temporada de Os Suburbanos. 

"Criamos esse programa com uma composição mais eclética, pois queremos juntar tribos diferentes. Queríamos um talk show diferente de tudo que a gente já viu, sem a pretensão de ser o mais original do mundo, mas com um conceito original. Foi aí que surgiu a ideia de o tema ser o grande protagonista, partindo sempre de uma pergunta", diz a diretora-geral da atração, Elisabetta Zenatti.

O programa tem um leque de desdobramentos, partindo de cinco perguntas que a maioria das pessoas nunca pensou. "Essa pergunta pode ser básica e levar para um lado nonsense. Às vezes, a pergunta é uma desculpa para fazer humor, mas também a partir dela podemos chegar à conclusão de que esse assunto tem importância na vida de todos nós", explica Elizabetta. 

divulgação/Multishow

José Luiz Datena, Paulinho Serra e Didi Wagner em A Pergunta Que Não Quer Calar

"A graça é fazer o convidado lidar com o inusitado. Tem uma pergunta que fizemos e que surpreendeu muito: 'Pornô dá para por a mãe no meio?'. Debatemos em cima dessa coisa de que mãe é mãe, e sexo é sexo. Duas coisas que não se misturam. Por isso, pegamos mães que nunca tinham assistido filme pornô e as colocamos para ver produções do gênero. As reações foram muito interessantes", fala a diretora Eliana Fonseca. 

O programa buscou convidados que não costumam abrir o jogo diante das câmeras, como o apresentador do Brasil Urgente, da Band, José Luiz Datena. "Muitas pessoas a gente tinha uma imagem pré-concebida pelo que já sabemos dela, e a maioria não tinha nada a ver o que imaginávamos quando fez sua participação. Tem muito programa de entrevista que é chamado de talk show, mas o nosso tem mesmo o lado show, que vai além da entrevista. É bem dinâmico”, conta Bento Ribeiro.

Conversa de bar

Paulinho Serra revela que a brincadeira foi o fio condutor de todas as edições, e um dos convidados que mais entrou no clima foi o ex-casseta Marcelo Madureira. "Ele deu fora em todo mundo. Madureira falou que comeu minha mãe. Como assim? Mas a gente não ficou só na conversa de bar, na pergunta que não quer calar. Em cima de perguntas corriqueiras, esmiuçamos todo um universo. O importante é que o debate não é sobre o convidado, é sobre a pergunta", adianta o apresentador. 

Segundo as diretoras e os apresentadores, os convidados não souberam previamente dos temas que iriam discutir nas gravações do programa justamente para que a conversa rolasse com espanto, naturalidade, estranhamento ou até mesmo desconforto.

No meio do debate, especialistas entram em cena para esclarecer dúvidas e passar mais informações sobre o assunto debatido. "Quantos buracos existem no corpo humano? São 11. Nós contaríamos naturalmente nove, mas tem dois que a gente não contabiliza que são nos olhos, por onde saem nossas lágrimas. A Pergunta Que Não Quer Calar também é cultura", diverte-se Ribeiro. 

Juliana coutinho/multishow

Isabelle Marques (Pâmela) e Rodrigo Sant'Anna (Jefinho do Pagode) em Os Suburbanos

Noite de estreias

As estreias do Multishow começam às 22h, com a segunda temporada de Os Suburbanos. Jefinho do Pagode (Rodrigo Sant’Anna) volta a se meter em confusões. Agora, o cantor e sua família participam do um reality show no subúrbio. Ele ganha o prêmio principal e se declara para a sua amante, Pâmela (Isabelle Marques), a pedindo em casamento. Otaviano Costa faz uma participação especial no episódio de hoje.

A nova temporada tem 20 episódios, que serão exibidos às segundas, quartas, quintas e sextas-feiras. Na continuação da série, Jefinho se firma no meio artístico e compõe uma nova canção para substituir Xavasca Guerreira. Com dinheiro, ele e a família se mudam para uma mansão na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

Natália Lage e Marcos Oliveira passam a integrar o elenco. Ela faz uma mulher fatal que vai colocar toda a fortuna do pagodeiro em risco. Oliveira é o síndico do novo condomínio de Jefinho.

Em seguida, é a vez de Tom Cavalcante reviver personagens de sucesso em sua carreira em Multi Tom, a partir das 22h30. O programa é um talk show comandado por personagens como João Canabrava e Pit Bicha. Conta com um quadro que confina políticos em uma casa, como a do Big Brother Brasil.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você quer ver no retorno de Amor de Mãe?