Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

FORA DA TV ABERTA

Horário político vai até quando? Saiba como fugir da propaganda eleitoral

REPRODUÇÃO/FOX SPORTS E GLOBONEWS

Montagem de fotos com Benjamin Back no Fox Sports Rádio e Maria Beltrão no Estúdio I

Benjamin Back no Fox Sports Rádio e Maria Beltrão no Estúdio I: opções fora do horário eleitoral

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 9/10/2020 - 6h55

O horário eleitoral gratuito começa nesta sexta-feira (9) em todo o território nacional. Até 12 de novembro, a programação das TVs abertas brasileiras contará com dois momentos para os candidatos fazerem suas propagandas: um no início da tarde e outro durante a noite. Para o telespectador interessado em fugir das promessas políticas, há opções na TV paga, serviços de streaming e outras gratuitas na web.

Serão 10 minutos de propaganda às 13h e outros 10 às 20h30, faixa mais nobre da TV. O horário político pode ajudar o eleitor indeciso a escolher o seu candidato ou colaborar para que ele descubra quais são os planos dos postulantes às vagas de prefeito e vereador.

No entanto, há quem rejeite a publicidade eleitoral ou quem não queira ver as mesmas promessas diariamente. Para os fiéis às emissoras como Globo, Record e SBT e que conhecem pouco do universo fora da TV aberta, o Notícias da TV fez uma lista para atualizar o que pode ser opção nos serviços pagos e gratuitos:

Spoilers de novelas

A faixa das propagandas eleitorais pode ser um ótimo momento para se atualizar sobre o que vai rolar na sua novela favorita. Qual é o resumo do capítulo que vai ao ar no dia? O que vai acontecer com a triângulo Ritinha (Isis Valverde), Zeca (Marco Pigossi) e Ruy (Fiuk) em A Força do Querer? O canal do Notícias da TV no YouTube publica vídeos diariamente sobre o que rola nos principais folhetins da TV:

Programas esportivos

O horário político das 13h vai passar bem no momento de Os Donos da Bola, da Band, e na faixa que era ocupada pelo Globo Esporte. O esportivo da líder de audiência vai começar mais cedo, 12h35, enquanto a atração comandada por Neto entrará no ar 12h55 para voltar pra valer às 13h10.

Nos 10 minutos sem futebol na TV aberta, basta ligar no SporTV, na ESPN ou no Fox Sports para acompanhar um debate sobre os times do Brasileirão e da Libertadores. Outra opção é aproveitar para assistir a um canal esportivo no YouTube. O UOL Esporte, por exemplo, tem ótimos conteúdos: 

Canais de notícias

O momento do almoço ou a faixa das 20h30 também é o tempo em que as pessoas tiram para se atualizar sobre o que está rolando no Brasil e no mundo com os telejornais. Mesmo para quem não é assinante da paga, GloboNews e BandNews disponibilizam o "ao vivo" em seus respectivos sites de maneira gratuita. Já a CNN Brasil coloca a sua programação em tempo real no YouTube.

Corra para o streaming

Uma solução pode ser assistir ao episódio de uma série ou até mesmo de uma novela no streaming. Chiquititas (2013), em reprise no horário nobre do SBT, está disponível na Netflix. O Globoplay conta com novelas antigas, como Caminho das Índias (2009), A Favorita (2008) e A Indomada (1997).

Já o Amazon Prime Video tem folhetins estrangeiros, como a portuguesa Ouro Verde (2017), que passou na Band e pode ser vista também no YouTube:

Apele para os desenhos no YouTube

Para os pais que gostam de TV aberta, a faixa das 13h apresenta os desenhos do Bom Dia & Cia e da TV Cultura. Sem essa opção para entreter os pequenos, a opção é recorrer aos serviços de streaming ou aos "pouco" consumidos vídeos de Galinha Pintadinha e Patati Patatá no YouTube. Aliás, que tal deixar Baby Shark, o vídeo que já foi visto 6,7 bilhões de vezes, na repetição?


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?